UTL Repository >
Faculdade de Medicina Veterinária >
Biblioteca >
BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/960

Title: Parasitoses de pequenos ruminantes na região da Cova da Beira
Authors: Lagares, Ana Filipa Barroca Fernandes
Advisor: Catarino, Ana Lúcia Palinhos
Fonseca, Isabel Pereira da
Keywords: Cova da Beira
EGI
Eimeria
Hemoparasitas
Maneio
Pequenos ruminantes
Gastrointestinal strongilyds
Haemoparasites
Management
Small ruminants
Issue Date: 2008
Publisher: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citation: LAGARES, A. F. B. F. (2008). Parasitoses de pequenos ruminantes na região da Cova da Beira. Dissertação de Mestrado, Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Abstract: Durante o estágio curricular do Mestrado Integrado em Medicina Veterinária, foi possível acompanhar uma brigada sanitária da Organização de Produtores Pecuários (OPP) da Cova da Beira - SANICOBE. A presente dissertação aborda as parasitoses dos pequenos ruminantes nesta região. Avaliou-se a intensidade das parasitoses gastrointestinais e das eimerioses, e a presença de parasitas hemáticos, ixodídeos e ácaros. Estimou-se também o nível de risco de infecção, nos alojamentos e nos pastos, e foi realizada uma ficha de exploração. Recolheram-se amostras de fezes, que se enviaram para o Laboratório de Diagnóstico Veterinário de Alcains, e porções de palha da cama e erva do pasto, com a finalidade de conhecer o nível de contaminação, que foram posteriormente processadas no Laboratório de Doenças Parasitárias da Faculdade de Medicina Veterinária. Obtiveram-se esfregaços sanguíneos, para detecção de hemoparasitas. Foram ainda recolhidos espécimes de ixodídeos para posterior identificação, e feitas raspagens para pesquisa de ácaros. Detectou-se infecção por ovos de estrongilídeos gastrointestinais (EGI) e oocistos de Eimeria nos animais da maioria das explorações. Observou-se que os géneros Anaplasma e Theileria possuem carácter endémico nos ovinos e caprinos da região. Os ixodídeos e os ácaros de sarnas tiveram pouca representatividade neste estudo. Os métodos de maneio, nomeadamente a frequência da substituição da palha da cama e a rotação do pastoreio, mostraram ser de importância crucial no controlo de parasitoses.
ABSTRACT - During the training of the Integrated Masters in Veterinary Medicine, it was possible to join a sanitary brigade of the Livestock Producers Organization of Cova da Beira – SANICOBE. This thesis addresses the small ruminants’ parasites in this region. The intensity of gastrointestinal parasitism and of eimeriosis was evaluated along with the presence of blood parasites, mites and ixodid ticks. It was also esteemed the level of infection risk, in housing and pastures, and a farm return was carried out. Samples of faeces were collected and were later sent to the Veterinary Diagnostic Laboratory of Alcains. Portions of the bed straw and pasture grass were also collected, in order to determine the contamination level. They were then processed at the Laboratory of Parasitic Diseases of the Faculty of Veterinary Medicine, in Lisbon. Blood smears were obtained for detection of haemoparasites. Specimens of ixodid ticks were also picked for subsequent identification and skin scrapings were made to search for mites. An infection by gastrointestinal strongylid eggs and by oocysts of Eimeria was detected in the animals from most farms. It was observed that Anaplasma and Theileria have endemic character in sheep and goats in this region. The ixodid ticks and scabies mites had little representation in this study. Management methods, such as the substitution frequency of the bed straw and the pasture rotation proved to be of crucial importance to control parasites.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/960
Appears in Collections:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Files in This Item:

File Description SizeFormat
PARASITOSES DE PEQUENOS RUMINANTES NA REGIÃO DA COVA DA BEIRA.pdf4.77 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE