UTL Repository >
Faculdade de Medicina Veterinária >
Biblioteca >
BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/4835

Title: Rastreio virológico de cães errantes da cidade de Vila do Maio, Cabo Verde
Authors: Castanheira, Pedro Joaquim de Carvalho Mendes
Advisor: Duarte, Ana Isabel Simões Pereira
Keywords: Rastreio virológico
epidemiologia molecular
parvovírus canino
vírus da esgana canina
coronavírus canino
Cabo Verde
virological survey
molecular epidemiology
canine parvovirus
canine distemper virus
canine coronavirus
Cape Verde
Issue Date: 24-Oct-2012
Publisher: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citation: CASTANHEIRA, P. J. C. M. (2012). Rastreio virológico de cães errantes da cidade de Vila do Maio, Cabo Verde. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Abstract: As infeções pelo parvovírus canino (CPV), vírus da esgana canina (CDV) e coronavírus canino (CCoV) são importantes causas de morbilidade e de mortalidade em cães de todo o mundo. Contudo, aparentemente não se conhece a sua incidência e prevalência no arquipélago de Cabo Verde. Para determinar a prevalência dessas infeções na população canina da cidade de Vila do Maio, situada na ilha do Maio, foram colhidas amostras a partir cães errantes desse local em dois períodos distintos: no ano de 2010 obtiveram-se 53 zaragatoas retais e em 2011 colheram-se 93 zaragatoas retais e 88 amostras de sangue, existindo 56 animais coincidentes nos dois tipos de amostra. Do total de 125 cães amostrados neste último ano apenas 2 eram vacinados. Testou-se a presença de ácido nucleico viral por real-time PCR e real-time RT-PCR a partir das zaragatoas e analisou-se a presença de anticorpos contra CPV e CDV nas amostras de sangue. Em relação a 2010, detetou-se ácido nucleico viral em 43,3% (23/53) das amostras para CPV, 11,3% (6/53) para CDV e 1,9% (1/53) para CCoV. Em 2011, a prevalência de CPV foi de 44,1% (41/93), 0% para CDV e 1,1% (1/93) para CCoV. Ainda neste ano, anticorpos contra o CPV foram detetados em 71,6% (63/88) das amostras de sangue e a seroprevalência no caso do CDV foi de 51,1% (45/88). A presença de anticorpos anti-CPV foi significativamente superior nos cães mais velhos e observou-se uma tendência crescente de seropositividade com o aumento da idade no caso do CDV, embora não fosse estatisticamente significativo. Não se registaram diferenças de seroprevalência em relação ao género dos animais. Este trabalho demonstra a importância da vigilância epidemiológica molecular em populações de animais errantes e domésticos das cidades, uma vez que o seu elevado número possibilita a disseminação e manutenção dos vírus nestes locais, que pode conduzir a uma elevada mortalidade em populações com reduzidas taxas de vacinação. Para além disso, estes animais podem constituir reservatórios das doenças, havendo possibilidade de transmissão às populações de animais selvagens através de contactos ocasionais. Seria importante identificar a fauna silvestre suscetível da ilha do Maio, para se avaliar até que ponto os vírus que se encontram em Vila do Maio podem constituir um perigo para esses animais.
ABSTRACT - VIROLOGICAL SURVEY IN STRAY DOGS OF VILA DO MAIO, CAPE VERDE - Infections caused by canine parvovirus (CPV), canine distemper virus (CDV) and canine coronavirus (CCoV) are important causes of morbidity and mortality in dogs worldwide. However, it seems that the incidence and prevalence of these viruses is unknown in the archipelago of Cape Verde. To determine the prevalence of these infections in Vila do Maio canine population, located in Maio island, samples were collected from stray dogs in two distinct periods: in 2010, fifty three rectal swabs were obtained and in 2011 a total of 93 rectal swabs and 88 blood samples were collected, and 56 animals were coincident in both sample types. Out of the 125 dogs sampled in the latter year, only 2 were vaccinated. We tested the presence of viral nucleic acid by real-time PCR and real-time RT-PCR from rectal swabs and analyzed the presence of CDV and CPV antibodies in blood samples. From the 2010 sampling, viral nucleic acid was detected in 43,3% (23/53) samples for CPV, 11,3% (6/53) for CDV and 1,9% (1/53) for CCoV. In 2011, the prevalence of CPV was 44,1% (41/93), 0% for CDV and 1,1% (1/93) for CCoV. In this year, antibodies against CPV were detected in 71,6% (63/88) of blood samples and the seroprevalence for CDV was 51,1% (45/88). The presence of anti-CPV antibodies was significantly higher in older dogs and a linear increase in seroprevalence with age was observed for CDV, although in this case this association was not statistically significant. There were no differences in seroprevalence between genders. This study demonstrates the importance of molecular epidemiological surveillance in urban populations of stray and domestic animals, since their high density enables the transmission and spread of the viruses in these locations, which can lead to high mortality in animal populations with low vaccination rates. In addition, these animals can be reservoirs of diseases, with the possibility of transmission to wild animal populations by occasional contact. It would be important to identify the wildlife of Maio island, to evaluate to which extent the viruses circulating in Vila do Maio can pose a threat to these animals.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/4835
Appears in Collections:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Rastreio virologico de caes errantes da cidade de Vila do Maio Cabo Verde.pdf980.42 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE