UTL Repository >
Faculdade de Medicina Veterinária >
Biblioteca >
BFMV - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/479

Title: Effect of pasture biomass intake on growth performance and meat quality of free-range broilers
Other Titles: Efeitos da ingestão de pastagem no desempenho produtivo e na qualidade da carne de frangos em crescimento
Authors: Ponte, Patrícia Isabel Pinheiro da
Advisor: Fontes, Carlos Mendes Godinho de Andrade
Prates, José António Mestre
Keywords: Free-range broiler
Pasture intake
Feed enzymes
Meat quality
Fatty acid composition
Recombinant cellulases
Frangos de sistemas extensivos
Ingestão de pastagem
Suplementação enzimática
Celulase recombinante
Qualidade da carne
Perfil de ácidos gordos
Issue Date: 2-Jun-2008
Publisher: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Abstract: Os efeitos da ingestão de pastagem no desempenho produtivo e na qualidade da carne de frangos em crescimento, bem como o potencial interesse da suplementação das dietas destes animais com celulases e hemicelulases na produção de frangos ao ar livre continuam por avaliar. Os resultados obtidos neste trabalho revelam que a ingestão de pastagem incrementa o desempenho produtivo e contribui para a melhoria dos atributos sensoriais da carne de frango. No entanto, a ingestão de pastagem foi baixa em aves com acesso ad libitum ao alimento composto. A restrição da ingestão do alimento à base de cereais originou um aumento no consumo relativo de pastagem de leguminosas, promovendo o desempenho produtivo das aves. Por outro lado, a suplementação da dieta com celulases e hemicelulases não afectou o crescimento de frangos com acesso a pastagens à base de leguminosas. Os resultados sugerem que em aves de estirpes de crescimento lento criados em sistemas de produção ao ar livre, B-glucanases de origem desconhecida podem afectar a eficiência de enzimas exógenas adicionadas a dietas à base de cevada. A baixa ingestão de pastagem resultou num efeito moderado no perfil de ácidos gordos e homólogos da vitamina E na carne de aves provenientes de sistemas de produção ao ar livre. No entanto, a restrição de alimento composto promoveu uma maior ingestão de pastagem à base de leguminosas, o que influenciou significativamente o perfil de ácidos gordos da carne. Apesar da ingestão de pastagem não influenciar os níveis de ácido linoleico (LA), os teores de n-3 ácidos gordos poli insaturados (PUFA) na carne de frango foram significativamente mais elevados em animais com acesso a pastagem. Igualmente, o consumo de forragem desidratada por frangos produzidos convencionalmente não afectou os teores de vitaminas antioxidantes e de colesterol na carne de frango, tendo influenciado o perfil de ácidos gordos da carne. A ingestão de forragem não afectou os teores de LA e ácido linolénico (ALA). No entanto verificaram-se níveis de n-3 PUFA de cadeia longa de carne de frango mais elevados em animais que consumiram forragem desidratada, o que sugere uma importante deposição de ALA no músculo e a sua conversão nos seus derivados de cadeia longa em aves que consumiram forragens, frescas ou desidratadas, à base de leguminosas.
ABSTRACT : The effects of forage intake in both broiler performance and poultry meat quality remain to be established. In addition, the potential interest of exogenous cellulases and hemicellulases to improve the nutritive efficacy of free-range chicken remains to be evaluated. Data presented here reveal that pasture consumption promotes bird performance, while contributing for the production of broiler meat with preferred sensory attributes. However, low levels of pasture intake were recorded in birds receiving ad libitum a concentrate feed. The restriction of the cereal-based feed intake increased the relative levels of leguminous pasture intake, leading to an overall negative influence in bird performance. In addition, cellulase and hemicellulase supplementation had no impact on the performance of birds foraging in legume-based pastures. The results suggest that in older birds of slow-growing genotypes subjected to free-range production systems, previously unknown sources of beta-glucanases can affect the effectiveness of exogenous enzymes added to the feed. The low levels of pasture intake had a low impact on the fatty acid and vitamin E homologue profiles of free-range poultry meat. When cereal-based feed was restricted, the higher consumption of the leguminous pasture significantly affected meat fatty acid profile. Although pasture intake did not influence the contents in linoleic acid (LA) of poultry meat, the levels of n-3 polyunsaturated fatty acids (PUFA) in breast meat were significantly higher in animals consuming leguminous biomass. Dehydrated forage consumption by conventionally reared broilers had no impact on antioxidant vitamins and cholesterol contents of broiler meats but had a significant effect on meat fatty acid composition. Forage intake did not affect the LA and linolenic acid (ALA) contents in poultry meat, but the levels of n-3 long-chain PUFA in breast meat were higher in animals consuming leguminous biomass. The data suggest an important deposition of ALA in the muscle and the conversion of ALA to its long-chain derivatives in broilers consuming fresh or dehydrated leguminous based forages.
Description: Tese de Doutoramento em Ciência e Tecnologia Animal
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/479
Appears in Collections:DPASA - Teses de Doutoramento
BFMV - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Tese Doutoramento_ Patrícia Ponte.pdfEffect of pasture biomass intake on growth performance and meat quality of free-range broilers6.96 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE