UTL Repository >
ISEG - Instituto Superior de Economia e Gestão / ISEG - School of Economics & Management Lisbon >
Biblioteca Francisco Pereira de Moura / Francisco Pereira de Moura Library >
BISEG - Teses de Doutoramento / Ph.D. Thesis >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/4557

Title: Ensaios sobre a relação entre macroeconomia e mercado accionista
Authors: Coelho, Miguel Alexandre Teixeira
Advisor: Costa, Luís F.
Duque, João
Keywords: noticias macroeconómicas
preço das acções
alocação de carteira
Macroeconomic news
stock prices
asset management
Issue Date: Jul-2005
Publisher: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citation: Coelho, Miguel Alexandre Teixeira. 2005. "Ensaios sobre a relação entre macroeconomia e mercado accionista". Tese de Doutoramento. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Abstract: A literatura económica parece dar suporte à hipótese de existência de uma relação não espúria entre macroeconomia e mercados accionistas, ainda que exista um consenso limitado relativamente aos mecanismos de inter-relação entre estas duas áreas. Partindo deste contexto, procurou-se com o presente trabalho analisar algumas das relações existentes entre estas duas áreas. Em primeiro lugar, testou-se a hipótese do impacto dos anúncios de inflação norte-americanos estar condicionado às perspectivas da Reserva Federal sobre a evolução macroeconómica futura. Concluiu-se que existe uma resposta negativa e estatisticamente significativa dos preços das acções a esses anúncios apenas nas situações em que a Reserva Federal revela ao mercado uma expectativa de que os riscos de inflação e de abrandamento económico estão balanceados (i.e neutral bias). Em segundo lugar, procurou-se avaliar o impacto que os referidos anúncios de inflação têm no mercado accionista português, tendo-se concluído que os mesmos afectam a rendibilidade diária e intra-diária do índice PSI20. Por fim, utilizando uma metodologia VAR, avaliou-se o impacto de choques macroeconómicos no PSI20. Partindo dos resultados obtidos, construiu-se um conjunto de estratégias de investimento que, em determinadas circunstâncias, apresentam rendibilidades estatisticamente superiores às dos índices de referência.
The economic literature seems to support the hypothesis of a non-spurious relation between macro-economy and the stock market. Nevertheless, the consensus regarding these interrelation mechanisms is limited. In this context, the purpose of our work is to analyse the relations between the above-mentioned areas. Firstly, we test the hypothesis that the reaction of stock prices depends on the signals that the Federal Reserve send to the market and conclude that there is a negative correlation between the unexpected component of macroeconomic announcements and stock returns. Furthermore, this correlation is statistically significant only when the Federal Reserve discloses a Neutral Bias to the market. Secondly, we evaluate the impact of the above-mentioned announcements on the Portuguese stock market. We conclude that these announcements affect the daily and intra-daily returns of the PSI20, being this effect more evident in situations when the US and the EU business cycles are synchronized. Lastly, using a VAR methodology, we estimate the impact of macroeconomic shocks on the Portuguese PSI20 index. Based on previous results, we simulate a set of investment strategies that, under certain circunstances, present statistically higher returns than those obtained by the benchmark.
Description: Doutoramento em Economia
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/4557
Appears in Collections:DE - Teses de Doutoramento / Ph.D. Thesis
BISEG - Teses de Doutoramento / Ph.D. Thesis

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TD-MATC-2005.pdf10.04 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE