UTL Repository >
ISCSP - Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas >
BISCSP - Biblioteca do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas >
BISCSP – Teses de mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/4507

Title: Políticas locais para o envelhecimento activo: um estudo no concelho da Sertã
Authors: Alcobia, Liliana Margarida Serra
Advisor: Amaro, Fausto
Keywords: Envelhecimento
Idosos
Envelhecimento activo
Políticas sociais
Qualidade de vida
Sertã
Ageing,
Elderly
Active ageing
Social policy
Quality of life
Sertã
Issue Date: 2-May-2012
Publisher: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas
Abstract: A melhoria das condições de saúde e socioeconómicas, aliada aos progressos da tecnologia, contribuem para o aumento da longevidade da população. Paralelamente ao aumento da população idosa, o desequilíbrio entre homens e mulheres acentua-se devido ao forte aumento da longevidade feminina em relação à masculina. Se o envelhecimento da população é uma preocupação, não menos preocupante é o desafio que as sociedades têm: permitir que as pessoas vivam mais tempo, mas também que envelheçam com qualidade de vida e de forma activa. Devem-se assim unir esforços, colectivos e individuais, no sentido de promover o envelhecimento activo. Neste sentido, é importante perceber quais as políticas sociais para o envelhecimento activo adoptadas, no panorama Europeu, em Portugal, e concretamente no concelho da Sertã. Para isso, foram realizados questionários, a nível do concelho, às Instituições que prestam apoio social, a alunos da Academia Sénior da Sertã, a utentes de uma resposta social e a cidadãos comuns, de forma a perceber como o envelhecimento activo é vivido. Indo ao encontro das preocupações sobre este tema, o Parlamento Europeu decidiu que 2012 é o Ano Europeu do Envelhecimento Activo, e neste sentido, foi importante perceber quais os objectivos e as medidas adoptadas.
Improving the health and socioeconomic conditions, allied with advances in technology contributes to the longevity of the population. Along with the increasing elderly population, the imbalance between men and women is accentuated due to the strong increase in female longevity compared to men. If the ageing population is a concern, no less disturbing is the challenge that society have: to allow people to live longer, with quality of life and in an active way. Should thus join forces, collective and individual, to promote active ageing. In this sense, it is important to understand the social policies adopted for active ageing, in the European outlook, in Portugal, specifically in the county of Sertã. For this reason, were carried out questionnaires, the county level, to the institutions that provide social support, to students of the Senior Academy of Sertã, the users of a social response and ordinary citizens in order to understand how active ageing is experienced. Meeting the concerns on this issue, the European Parliament decided that 2012 is the European Year of Active Ageing and in this sense, it was important to understand the objectives and measures taken.
Description: Dissertação de Mestrado em Política Social
Peer Reviewed: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/4507
Appears in Collections:BISCSP – Teses de mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Abstract.pdf8.26 kBAdobe PDFView/Open
Dissertação.pdf1.44 MBAdobe PDFView/Open
Resumo.pdf7.13 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE