UTL Repository >
Faculdade de Medicina Veterinária >
Biblioteca >
BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/4400

Title: Surto de listeriose entre 2009 e 2011 em Lisboa e Vale do Tejo : investigação e medidas implementadas pela ASAE
Authors: Pita, Joana Serrano Maia
Advisor: Fernandes, Maria da Graça Domingues Mariano Marques
Vaz, Yolanda Maria
Keywords: Listeriose
Surto
ASAE
Investigação
Listeriosis
Outbreak
Investigation
Issue Date: 13-Apr-2012
Publisher: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citation: PITA, J. S. M. (2012). Surto de listeriose entre 2009 e 2011 em Lisboa e Vale do Tejo : investigação e medidas implementadas pela ASAE. Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Abstract: A listeriose humana é uma doença zoonótica transmitida através de alimentos contaminados por Listeria monocytogenes. Apesar da incidência anual ser baixa, a taxa de fatalidade é muito elevada, assim como a susceptibilidade do grupo de risco (imunodeprimidos, idosos, grávidas e recém-nascidos). Em Portugal a listeriose humana não é de declaração obrigatória dificultando a detecção precoce de surtos. Entre Janeiro de 2009 e Fevereiro de 2011 foram reportados em Lisboa e Vale do Tejo 46 casos de listeriose, 24 dos quais pertencentes ao mesmo pulsótipo. A investigação epidemiológica foi realizada pela Direcção Geral de Saúde, que aplicou inquéritos epidemiológicos aos doentes. A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) realizou a investigação da origem do surto implementando duas operações de inspecção e colheita de amostras. Foram abrangidos 42 estabelecimentos de retalho, 14 dos quais referidos pelos doentes, e seis indústrias. Uma amostra de queijo de vaca e cabra fresco apresentou contagem de L. monocytogenes superior a 100 ufc/g e o mesmo pulsótipo dos isolados clínicos. O estabelecimento industrial (Alentejo) que produziu o queijo foi inspeccionado e cinco das seis amostras colhidas apresentaram-se positivas e com o pulsótipo isolado nos doentes envolvidos no surto, podendo este ser o foco ou um dos focos.
ABSTRACT - Outbreak of listeriosis between 2009 and 2011 in Lisbon and Tagus Valley - Research and Implemented Measures by ASAE - Listeriosis is a zoonotic disease transmitted through food contaminated with Listeria monocytogenes. Although the annual incidence is low, the fatality rate is very high, as well as the susceptibility in the risk group (immunocompromised, elderly, pregnant women and newborns). In Portugal, listeriosis is not notifiable which may difficult the early detection of outbreaks. Between January 2009 and February 2011 were reported in Lisbon and Tagus Valley 46 cases of listeriosis, 24 of which belong to the same pulsotype. The epidemiological investigation was conducted by the Directorate General of Health of who applied epidemiological surveys to patients. The Food Safety Authority and Economic (ASAE) investigated the source of the outbreak by implementing two operations of inspection and sampling. Forty two retail outlets were covered, 14 of them were reported by patients, and 6 industries. A sample of cow and goat fresh cheese had more than 100 cfu/g of L. monocytogenes and the pulsotype was the same as the clinical isolates. The industry (Alentejo) that produced the cheese was inspected and five of six samples were positive and with the pulsotype isolated in humans involved in the outbreak, which may indicate this industry as its source.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/4400
Appears in Collections:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Surto de Listeriose entre 2009 e 2011 em Lisboa e Vale do Tejo.pdf2.87 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE