UTL Repository >
ISEG - Instituto Superior de Economia e Gestão / ISEG - School of Economics & Management Lisbon >
Biblioteca Francisco Pereira de Moura / Francisco Pereira de Moura Library >
BISEG - Teses de Doutoramento / Ph.D. Thesis >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/4318

Title: Alianças estratégicas e desempenho competitivo
Authors: Gonçalves, Francisco Nuno Rocha
Advisor: Gonçalves, Vítor Fernando da Conceição
Issue Date: May-2007
Publisher: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citation: Gonçalves, Francisco Nuno Rocha. 2007. "Alianças estratégicas e desempenho competitivo". Tese de Doutoramento. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Abstract: Esta investigação parte da associação habitualmente observada, entre a participação das empresas em alianças e os seus níveis de desempenho competitivo. Defende-se que a compreensão científica actual desta associação pode ser estendida pela avaliação de uma rede nomológica mais abrangente de fenómenos e, em particular, pela análise dos papeis de determinadas capacidades dinâmicas - a capacidade de gestão de alianças e a capacidade de absorção de conhecimento. Efectivamente, reviram-se e discutiram-se as utilizações dos conceitos de desempenho competitivo, de alianças estratégicas e de capacidades dinâmicas e, em sequência, propôs-se e testou-se um enquadramento teórico explicativo. Este enquadramento foi construído em torno da relação entre alianças e desempenho, discriminando os principais resultados das alianças sobre as dimensões de desempenho e sobre processos intermédios (inovação), e testando os papeis propostos (como variáveis explicativas ou moderadoras) para aquelas capacidades. Esta investigação gerou dois importantes resultados. Primeiro, confirmou a aptidão explicativa da perspectiva das capacidades dinâmicas. Segundo, esclareceu aspectos relativos à propagação dos efeitos competitivos das alianças. Escolheu-se a perspectiva filosófica do realismo crítico. O método é o hipotético-dedutivo. No teste das hipóteses, utilizou-se uma abordagem quantitativa. Desenvolveram-se casos exploratórios para melhor preparar este teste empírico, conduzido na indústria farmacêutica Portuguesa.
This research departs from the frequently established association between alliances and competitor performance. It proposes that it's current understanding can be enhanced by analysing a wider nomological network of related phenomena and by considering the specific role of dynamic capabilities. These capabilities are the alliance management capability and the knowledge absorptive capacity. After revising and discussing the concepts, and the main applications, of competitive performance, strategic alliances and dynamic capabilities, a theoretical and explanatory framework was proposed and tested. This framework was built around the relationship between alliances and performance outcomes, and aimed at discriminating specific performance outcomes (innovation) and at evaluating the proposed roles (as either explanatory variables, or as moderators) for dynamic capabilities. This research contributed, firstly, to a positive evaluation of the dynamic capabilities view. Secondly, it offered further enlightenment on the topic of the competitive impacts of alliancing on performance. Critical realism was chosen as the philosophical perspective. This investigation had the purpose of testing a specific set of hypothesis, and did so, by employing a quantitative approach. Some exploratory case studies were performed as a means to assist and to prepare the empirical test of the theoretical framework, which was conducted at the Portuguese pharmaceutical industry.
Description: Doutoramento em Gestão
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/4318
Appears in Collections:DG - Teses de Doutoramento / Ph.D. Thesis
BISEG - Teses de Doutoramento / Ph.D. Thesis

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TD-FNRG-2007.pdf15.85 MBAdobe PDFView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE