UTL Repository >
Faculdade de Medicina Veterinária >
Biblioteca >
BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/3772

Title: Estudo das variações no metabolismo glucídico em gatos domésticos com neoplasia mamária
Authors: Vieira, Catarina Seiça Neves Roldão
Advisor: Brito, Maria Teresa da Costa Mendes Vítor Villa de
Keywords: Glicose
Insulina
Frutosamina
Neoplasia mamária
Metabolismo glucídico
Glucose
Insulin
Fructosamine
Mammary neoplasia
Glucidic metabolism
Issue Date: 30-Oct-2011
Publisher: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citation: VIEIRA, C. S. N. R. (2011). Estudo das variações no metabolismo glucídico em gatos domésticos com neoplasia mamária. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Abstract: Diversas evidências epidemiológicas e observações experimentais sugerem que, níveis elevados de glicose, insulina e IGF no sangue podem ter um papel relevante na carcinogénese mamária. Alguns autores consideram, ainda, a possibilidade de uma relação significativa entre as concentrações aumentadas destes factores e um pior prognóstico. Vários estudos, no homem, têm pesquisado a existência de uma relação directa significativa entre a diabetes mellitus e os tumores mamários. Contudo, ainda pouco tem sido feito para determinar, concretamente, a influência dos diferentes parâmetros do metabolismo glucídico nesta associação. Assim, o presente estudo procurou analisar as concentrações sanguíneas de insulina e glicose em dez gatas domésticas com carcinoma mamário, e tentou também estabelecer uma relação entre os valores registados e a gravidade do tumor apresentado. Com recurso a duas colheitas de sangue, uma pré-cirúrgica e outra pós-cirúrgica, e após a medição dos respectivos níveis de glicose, frutosamina e insulina, observou-se que, 10% dos animais apresentava uma hiperglicémia ligeira e outros 10% manifestava uma hiperinsulinémia marcada. Os valores registados demonstraram ainda, uma redução generalizada da concentração de glicose sanguínea após extirpação da massa neoplásica. Com base nos resultados histopatológicos obtidos, foi possível estabelecer uma correlação negativa significativa entre os valores de glicémia pós-cirúrgicos e a dimensão do tumor e uma correlação positiva significativa entre os níveis de frutosamina pré-cirúrgicos e a malignidade do tumor. A incidência, ainda que baixa, de níveis aumentados de glicémia e insulinémia neste estudo, suporta a hipótese de uma associação entre estes factores e o desenvolvimento de neoplasias mamárias. As variações observadas nos níveis de glicose e frutosamina, e a correlação negativa entre os valores glicémicos pós-cirúrgicos e a dimensão do tumor apontam para um consumo glucídico excessivo por parte das células neoplásicas. Uma possível relação entre os níveis sanguíneos de glicose e insulina e os diferentes parâmetros usados na classificação da gravidade do tumor é também sustentada neste trabalho. Apesar do reduzido número de casos considerados nesta pesquisa, a pertinência dos resultados obtidos e escassez de estudos sobre o tema nesta espécie valoriza o seu interesse e incentiva a realização de futuras investigações.
ABSTRACT - Study on glucidic metabolism changes in cats with mammary neoplasia - Several epidemiological evidences and empirical observations suggest that high glucose, insulin and IGF levels in the blood may have an important role in the mammary carcinogenesis. Some authors consider yet the possibility of a significant relation between the increased concentration of these factors and a worse prognosis. Several studies, in humans, have been researching a meaningful direct relation between diabetes mellitus and mammary tumours. However, little has been done to determine effectively the influence of the different glucidic parameters in this association. So, this study tried to analyse the blood concentration of insulin and glucose in ten household cats with mammary carcinoma. And it also tried to establish a relation between the recorded values and the seriousness of the tumour. After taking two blood samples, one pre-surgical and another post-surgical, and after measuring their glucose, fructosamine and insulin levels, it was seen that 10% of the animals had a slight hyperglycaemia and other 10% had an acute hyperinsulinemia. The recorded values also showed a generic increase of the blood glucose concentration before surgery and a decrease of this parameter after the removal of the neoplasm. Based on the histopathological results, it was possible to establish a significant negative correlation between the post surgical glycaemia values and the tumour size and a significant positive correlation between the pre-surgical fructosamine levels and the malignancy of the tumour. The incidence, despite being low, of increased glycemia and insulinemia levels in this study, supports the hypothesis of an association between these factors and the development of mammary neoplasias. The variations in the glucose and fructosamine levels, and the negative correlation between the glycemic post surgical values and the tumour’s size point to an excessive glucidic consumption by the neoplastic cells. A possible relation between the glucose and insulin values in the blood and the different parameters used in classifying the seriousness of the tumour is also supported in this study. Despite the small number of cases analyzed in this research, the relevance of the results and the shortage of studies on this subject, increases its interest and stimulates further
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/3772
Appears in Collections:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Estudo das variaçoes no metabolismo glucidico em gatos domesticos com neoplasia mamaria.pdf1.5 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE