UTL Repository >
Faculdade de Medicina Veterinária >
Biblioteca >
BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/3603

Title: Relação entre o incumprimento de normas legais por parte dos proprietários de animais de companhia e a ocorrência de trauma na via pública
Authors: Canarias, Catarina Alexandra Feiteiro
Advisor: Ferreira, Rui Domingos da Mata Lemos
Niza, Maria Manuela Grave Rodeia Espada
Keywords: Canídeo
Felídeo
Responsabilidade dos proprietários
Trauma
Canine
Feline
Pet owners responsibility
Issue Date: 18-Nov-2011
Publisher: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citation: CANARIAS, C. A. F. (2011). Relação entre o incumprimento de normas legais por parte dos proprietários de animais de companhia e a ocorrência de trauma na via pública. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa,
Abstract: A responsabilidade dos proprietários de animais de companhia é uma preocupação nas áreas do bem-estar animal e da saúde pública. Embora tenham sido realizados estudos sobre trauma em animais de companhia, estes incidem sobre a caracterização do mesmo ou os seus factores de risco, não existindo até à data estudos que relacionem o trauma com o nível de responsabilidade dos proprietários e o incumprimento de normas legais. O objectivo deste estudo baseia-se na motivaão de realizar um trabalho neste tema pouco retratado e incentivar a realização de estudos futuros mais abrangentes. Desta forma será possível promover um melhor conhecimento da população no que respeita à responsabilidade dos proprietários e elaborar planos multidisciplinares de prevenção e educação dos mesmos. Este trabalho consistiu num estudo de casos e controlos, a partir de uma amostra recolhida na clínica Azevet e no Hospital Escolar da Faculdade de Medicina Veterinária de Lisboa, entre Dezembro de 2010 e Abril de 2011, tendo como base questionários anónimos feitos a proprietários de cães e gatos. Os casos dizem respeito a animais que tenham sofrido trauma na via pública. Utilizou-se estatística descritiva e testagem de hipóteses, esta última com um grau de confiança de 95%. Foram analisados neste estudo 102 animais, dos quais 60 canídeos, distribuídos por 37 casos de controlo e 23 casos de trauma. Os restantes 42 animais pertencem à espécie felina, com 22 casos de controlo e 20 de trauma. Adicionalmente foi proposta uma classificação dos níveis de responsabilidade para proprietários de canídeos, tendo em conta os parametros legais exigidos. O mesmo não foi possível efectuar para os proprietários de felídeos devido às diferenças encontradas na legislação, a qual é bastante mais permissiva no que diz respeito a esta espécie. No presente estudo não foram encontrados factores de risco no que respeita à especie felina. Por outro lado, na espécie canina foram encontrados como factores de risco para a ocorrência de trauma um menor nível de escolaridade e um menor nível de responsabilidade por parte dos proprietários, enquanto que uma idade mais jovem dos donos se revela como factor de protecção. Adicionalmente, ter um menor nível de escolaridade surge como factor de risco para uma menor responsabilidade. Os resultados demonstram que um proprietário menos responsável torna o animal de companhia mais predisposto a trauma. Com base na regresão logística verificou-se que a responsabilidade é a variável que permanece significativa, sendo os parametros relativos ao acompanhamento do animal à via pública e à permanencia da contenção no passeio os mais relevantes. Como procedimentos futuros de prevenção sugerem-se a sanção dos infractores mas também a criação de condições que permitam e motivem os proprietários a cumprir a legislação.
ABSTRACT - The relationship between the failure of pet owners to comply with the law and the occurrence of trauma in public areas - The responsibility of pet owners is a welfare and public health issue. Although studies regarding trauma have been conducted, those only focus on trauma characteristics and the risk factors. To the best of our knowledge, there are no studies relating trauma to the owner’s level of responsibility and the failure to comply with the laws. This thesis aims to open a new path to this subject, encouraging further study in this field. Such studies will provide a better understanding about the population in terms of owners’ responsibility and will allow the elaboration of multi-disciplinary strategies of prevention and the education of owners. Moreover, this is a case-control study based on a sample collected in the Azevet practice and the Faculty of Veterinary Medicine Hospital, from December 2010 to April 2011, using questionnaires directed to cat and dog owners. The cases of this study consisted of animals which had been traumatised in public areas. Descriptive statistic and hypothesis testing were used, with a 95% confidence interval for the latter. These tests were performed in order to verify the existence of any significant difference among the two groups or among the different levels of responsibility. One hundred and two animals were analysed in this study, 60 of which were dogs, consisting of 37 control cases and 23 trauma cases. The remaining 42 animals were cats, composed of 22 control cases and 20 trauma cases. A responsibility level classification is proposed for the dog owners taking into account the imposed legal parameters. The same was not possible for the cat owners due to the fact that laws concerning this species are much more permissive. It this study it was not found any risk factor for the feline species. Otherwise, for the canine species it was found that a lower level of education and a lower level of responsibility of the owners were risk factors for trauma, whereas a younger age of the owner was a protection factor. Furthermore, a lower level of education was found to be a risk factor for lower responsibility among the owners. Finally, the results demonstrate that a less responsible owner predisposes his dog to trauma. The logistic regression analysis showed that the responsibility is the variable that remains signifitcative, with the parameters related to the accompaniment of the animals during the walks and the permanent use of leash being the most important. As future preventive procedures it is suggested the penalty of the offenders as well as the creation of suitable conditions that would motivate owners to abide by the law.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/3603
Appears in Collections:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Relaçao entre o incumprimento de normas legais por parte dos proprietarios de animais de companhia e a ocorrencia de trauma na via publica.pdf38.67 MBAdobe PDFView/Open
Capa.pdf22.23 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE