UTL Repository >
Faculdade de Medicina Veterinária >
Biblioteca >
BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/3574

Title: Investigação nosológica de diarreias neonatais indiferenciadas em vitelos no concelho de Odemira
Authors: Martins, David Rafael Figueiredo
Advisor: Almeida, Virgílio da Silva
Keywords: Vitelo
Diarreia
Cryptosporidium spp
Escherichia coli F5
Coronavírus
Rotavírus
kits de diagnostico
Calf
Diarrhoea
Diagnostic kits
Issue Date: 17-Oct-2011
Publisher: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citation: MARTINS, D. R. F. (2011). Investigação nosológica de diarreias neonatais indiferenciadas em vitelos no concelho de Odemira. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Abstract: As diarreias neonatais são fonte importante de comprometimento de performance dos vitelos. Ainda que a sua principal consequência seja o atraso no desenvolvimento, em casos extremos podem ser fatais. Existem várias etiologias para a síndrome diarreia, sendo que estas surgem muitas vezes associadas no mesmo vitelo. Neste sentido foi calculada a frequência dos quatro agentes etiológicos mais comuns no concelho de Odemira: Escherichia coli F5, o Criptosporidium spp, o Coronavírus e o Rotavírus. Para tal foram usados kits comerciais de imunocromatografia lateral em 33 amostras de fezes de vitelos diarreicos. A E. coli F5 foi detectada em 12,1% das amostras analisadas (n=4), o Cryptosporidium spp em 66,7% (n=22), o Rotavírus em 48,5% (n=16) e o Coronavírus em 24,2% (n=8). Neste estudo, as co-infecções resultaram da presença de pelo menos um dos vírus associado à E. coli F5 ou ao Cryptosporidium spp. Não foram encontradas co-infecções por E. coli e Cryptosporidium spp. O concelho de Odemira revela uma contaminação elevada de oocistos de Cryptosporidium spp, possivelmente devido às suas condições edafoclimáticas. A frequência detectada de E. coli F5 foi baixa na amostra da população de vitelos investigada e os vírus parecem exibir um comportamento oportunista, a julgar pela elevada frequência em que identificámos co-infecções.
ABSTRACT - Neonatal diarrhoea in calves is an important source of productivity impairment. Although its main consequence is a transitory reduction on the feed conversion ratio and consequently on the young stock live weight gain, in extreme cases it can be fatal. It is a multifactorial disease that can be caused by several pathogens, some of them occurring simultaneously in the same animal. The frequency of neonatal diarrhoea in calves was estimated for four enteropathogens at the council of Odemira, Portugal: Escherichia coli F5, Criptosporidium spp, coronavirus and rotavirus. To accomplish this goal a commercial lateral flow diagnosis kit was used on 33 faeces samples of diarrheic calves. Cryptosporidium spp was detected in 66.7% (n=22) of the analysed samples, rotavirus in 48.5% (n=16), coronavirus in 24.2% (n=8) and E. coli F5 in 12.1% (n=4). Co-infections involved at least one virus associated with E. coli F5 or Cryptosporidium spp. There were no co-infections with E. coli F5 and Cryptosporidium spp. Odemira council reveals a high contamination of Cryptosporidium spp oocysts, probably due to its edaphoclimatic conditions. The E. coli F5 frequency was low in the investigated sample and both viruses displayed an opportunistic behaviour judging by the high frequency of co-infections identified in this study.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/3574
Appears in Collections:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Investigaçao Nosológica de Diarreias Neonatais Indiferenciadas em Vitelos no Concelho de Odemira.pdf1.61 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE