UTL Repository >
Faculdade de Medicina Veterinária >
Biblioteca >
BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/3553

Title: Condição corporal como medida indirecta para avaliar a fertilidade de vacas leiteiras mantidas em regime semi-extensivo na Irlanda
Authors: Medeiros, Ana Catarina dos Reis
Advisor: Doherty, Michael Liam
Stilwell, George Thomas
Keywords: Classificação da condição corporal
Pós-parto
Balanço energético negativo
Fertilidade
Performance reprodutiva
Body condition score
Post-partum
Negative energy balance
Fertility
Reproductive performance
Issue Date: 16-Sep-2011
Publisher: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citation: MEDEIROS, A. C. R. (2011). Condição corporal como medida indirecta para avaliar a fertilidade de vacas leiteiras mantidas em regime semi-extensivo na Irlanda. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Abstract: A classificação da condição corporal (CCC; escala de 1 a 5) é um método subjectivo de avaliar a energia armazenada nas reservas corporais das vacas leiteiras, em qualquer fase do seu ciclo de produção. As mudanças dinâmicas da condição corporal no período pós-parto dão-nos indicações do balanço energético no início da lactação, estando a extensão do balanço energético negativo (BEN) associada a alterações reprodutivas. Este estudo foi efectuado em 4 explorações na Irlanda, perfazendo um total de 284 vacas, em regime de produção semi-extensivo e com sistemas reprodutivos sazonais, correspondendo a uma época reprodutiva na Primavera. Foi avaliada a condição corporal na altura do parto (n=234) e a perda máxima de condição corporal semanalmente após o parto (n=230), sendo estas, posteriormente, relacionadas com a performance reprodutiva dos animais na época reprodutiva seguinte. Foi possível relacionar estatisticamente (p<0,05) a condição corporal no parto com a performance reprodutiva dos animais em estudo, nomedamente com o intervalo parto - 1º serviço (p<0,01), com o intervalo parto – concepção (p=0,02) e com a percentagem de animais gestantes (p=0,02), tendo apresentado os melhores resultados para estes parâmetros, os animais com condição corporal entre 3,25 e 3,5. A perda de condição corporal no pós-parto não se relacionou com a fertilidade futura, mas foi possível relacionar a elevada perda de condição corporal (CCC pós-parto > 0,5) com a condição corporal no parto (p<0,01), com o número de lactações (p<0,01) e com a produção leiteira (p<0,01). Utilizando estas três variáveis, foi possível calcular por regressão logística binomial a probabilidade de um animal vir a ter elevada perda de condição corporal após o parto, por intermédio de um teste com uma sensibilidade de 76% e uma especificidade de 86,5%. A monitorização da condição corporal é uma ferramenta útil para assegurar um rápido retorno à ciclicidade, contudo, a condição corporal ideal na altura do parto é ainda difícil de estabelecer, pois esta não é o único factor com influência na fertilidade. Apesar de neste estudo, a perda de condição no período pós-parto, não poder ser directamente relacionada com a performance reprodutiva, os efeitos adversos para a saúde e bem estar dos animais, são por si só, uma boa razão para evitar e diminuir ao máximo o BEN no pós-parto precoce.
ABSTRACT - Body conditon as an indirect measure to evaluate fertility of dairy cattle kept in a semi-extensive production system in Ireland - Body condition score (BCS; scale 1 to 5) is a subjective method of assessing, in dairy cattle, the amount of energy stored in their body reserves, in any stage of their production cycle. Dynamic changes in body condition in the post-partum period indicates energy balance status in the beginning of lactation, being the severity of negative energy balance (NEB) related to reproductive changes. This study was conducted in 4 farms in Ireland, with a total of 284 cows, using semi-extensive production system and having seasonal spring breeding programs. Body condition at calving (n=234) and their weekly BCS loss in the post-partum period (n=230) were evaluated, being this afterwards related with their reproductive performance in the next spring breeding program. It was viable to statistically relate (p<0.05) the body condition at calving to the reproductive performance of the animals in study, more precisely to the first service interval (p<0,01), calving to conception interval (p=0,02) and to pregnancy percentage (p=0,02), in which the animals with a BCS between 3.25 and 3.5 showed the best results for these reproductive parameters. The body condition loss after calving showed no statistical significance with future fertility, but it was possible to establish a relationship between the body condition “high loss” (BCS loss >0,5) with the body condition score at calving (p<0,01), lactation number (p<0,01) and milk yield (p<0,01). Having these three variables it was possibile to calculate the probability of an animal have “high loss” after calving, using a binomial logistic regression model which is a test that provides a sensibility of 76% and a specificity of 86,5%. Monitoring of body condition is an efficient tool to ensure a faster return to ciclicity after calving. However the ideal body condition at calving is still hard to establish, because there are many other factors wich influence the fertility. Despite body condition loss after calving had no significance to reproductive performance in this study, the adverse effects on animals’ health and welfare are by themselves a good reason to avoid and decrease NEB in early post-partum period.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/3553
Appears in Collections:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Condiçao Corporal como medida indirecta para avaliar a fertilidade de vacas leiteiras mantidas em regime semi-extensivo na Irlanda.pdf1.77 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE