UTL Repository >
ISEG - Instituto Superior de Economia e Gestão / ISEG - School of Economics & Management Lisbon >
Biblioteca Francisco Pereira de Moura / Francisco Pereira de Moura Library >
BISEG - Teses de Doutoramento / Ph.D. Thesis >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/3529

Title: Crises bancárias : contributos de uma perspectiva espacial
Authors: Amaral, Andrea da Silva
Advisor: Abreu, Margarida
Santos, Victor
Keywords: Bancos
Crises bancárias
Interdependência dos sistemas bancários
Contágio
Econometria financeira
Modelo Probit Espacial
Banks
Bank crisis
Bank systems interdependency
Contagium
Financial econometrics
Spatial Probit Model
Issue Date: Apr-2008
Publisher: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citation: Amaral, Andrea da Silva. 2008. "Crises bancárias : contributos de uma perspectiva espacial". Tese de Doutoramento. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão
Abstract: A multiplicação dos episódios de crises bancárias desde a década de 80 estimularam o aparecimento de vários estudos, teóricos e empíricos, que procuram explicações para o fenómeno. O presente trabalho dá alguns contributos nesse sentido: em primeiro lugar, conjugando os ensinamentos das leituras das crises bancárias a partir dos modelos de equilíbrio com fundamentação microeconómica com a abordagem das crises centrada nas suas determinantes macroeconómicas e institucionais; em segundo lugar, trabalhando não só o sistema bancário no seu conjunto, mas tendo igualmente em consideração as diversas instituições que o compõem e a homogeneidade do tecido bancário; finalmente, trazendo para a análise o problema do contágio com uma perspectiva inovadora, ou seja, tomando-o não como mais uma determinante a levar em consideração, mas como um produto da interdependência dos sistemas bancários que não pode ser ignorada, sobretudo com a abertura, integração e liberalização dos sistemas financeiros. Os resultados empíricos obtidos parecem confirmar as conclusões, que já foram sendo retiradas em estudos anteriores, de que o enquadramento macroeconómico e institucional em que se move o sistema bancário é um factor determinante da sua estabilidade. Mas a mais valia conseguida no presente trabalho está, sobretudo, na relevância estatística obtida para os indicadores relativos às características microeconómicas das instituições, bem como para os efeitos do contágio, dando força à ideia de que o sistema bancário é um todo complexo, muito dependente do que se passa nos sistemas bancários que lhe estão próximos, e que só é saudável e estável se as instituições que o constituem também o forem.
The numerous cases of bank crisis that have taken place since the beginning of the 80's enhanced the appearance of various theoretical end empirical studies attempting to explain this phenomenon. This dissertation intends to contribute to the development of this subject: firstly, by combining the lessons on bank crisis derived from equilibrium models with microeconomic foundations, with the approach of crisis centered in its macroeconomics and institutional determinants; secondly, by exploring not only the bank system as a whole, but having also consideration the several institutions that constitute and compose the homogeneity of its texture; finnally, by analyzing the contagium problem within a new perspective, i.e. observing it not as one more element to be taken into account, but as a result of bank systems interdependency that should not be ignored, especially with the opening, integration and liberalization of financial systems. The empirical results that were obtained seem to confirm the thsis already revealed in previous studies that the microeconomic and institutional framework of bank systems is an essential factor for its stability. The main contribution of this dissertation, however, lies in the statistical significance obtained for the indicators concerning the instituions microeconomic characteristics as well as for the contagium effects, strengthening the idea that the bank system is a complex entity extremely dependent on its neighbours and on the health and stability of its institutions.
Description: Doutoramento em Economia
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/3529
Appears in Collections:DE - Teses de Doutoramento / Ph.D. Thesis
BISEG - Teses de Doutoramento / Ph.D. Thesis

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TD-ASA-2008.pdf14.57 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE