UTL Repository >
FA - Faculdade de Arquitectura >
DPAUD - Departamento de Projecto de Arquitectura, Urbanismo e Design >
DPAUD - Tese de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/3344

Title: Os limites da Cova da Moura. Uma oportunidade ou uma barreira?
Authors: Raposo, Andre Filipe Loureiro
Advisor: Bagulho, Fernando Alberto Nunes da Silva
Keywords: Limite
Espaço social
Rspaço metodológico
Social space
Morphological space
Issue Date: Dec-2010
Publisher: Faculdade de Arquitectura de Lisboa
Citation: RAPOSO, Andre Filipe Loureiro - Os limites da Cova da Moura. Uma oportunidade ou uma barreira?. Lisboa : FA, 2010. Tese de Mestrado
Abstract: O presente trabalho teve como principal objectivo uma reflexão acerca da problemática da adequação urbana que existia no caso de estudo do bairro da Cova da Moura, mais concretamente, da falta de continuidade que está patente nos limites do bairro. A articulação que me propus criar para explicar da melhor maneira o tema em questão, passou numa primeira instância pela definição do que é um limite, e de como este se define na Cova da Moura. Partindo então dessa premissa, analisei, através da obra de sociólogos, arquitectos e filósofos, os limites físicos e sociológicos que podemos definir para este mesmo lugar, com o propósito de clarificar de um modo adequado a especificidade social vivida na Cova da Moura. Funcionando então como base teórica e conceptual para a elaboração do ponto chave deste trabalho, a vertente prática associada a um Projecto de Arquitectura, elaborei uma solução construída para o problema que era vivido num dos limites existentes no bairro, na falta de articulação causada pela linha ferroviária existente a Norte da Cova da Moura, através de um edifício que permite a ligação entre as cotas adjacentes à estação. Chega-se então à conclusão que nós, enquanto Arquitectos, temos a obrigação de resolver e acima de tudo pensar este tipo de problemas no tecido urbano, caso contrário contribuímos unicamente para complexificar o que já é difícil de resolver. Por esta razão assistimos a situações em que a Arquitectura não resolve os problemas associados a determinado território, o que resulta num condicionamento da qualidade da experiência arquitectónica por parte dos utilizadores.
The current work had, as the main goal, a thought about the urban suitability that exists in the case study of Cova da Moura, more specifically, the lack of continuity that are displaced around the limits of this quarter. The organization that I’ve created to explain in a correct way this theme, passed by, firstly by a definition of the limit itself, and how it is exactly defined in Cova da Moura. Starting on this assumption, I’ve analyzed, through the work of some sociologists, architects and philosophers, the physical and sociological limits that we can define for this place, with the purpose of clarifying in an adequate way the social specificity that is lived in this quarter. Functioning as a theoretical and conceptual basis for the elaboration of this work, the practical side of an Architectural Project, I’ve created a built solution for the living problem around the boundaries of the quarter. on the lack or connection existing North of Cova da Moura, through a building capable of linking the two different heights on both side of the railroad. We can effectively conclude that we, as forming architects, have the obligation to solve and, above all think, this kind of urban tissues problems, otherwise we’ll only turn the problem even harder to solve. For this reason we can figure lots of situations in which Architecture does not solve the problems related with the territory, conditioning the quality of the users architectural experience.
Description: Tese de Mestrado em Arquitectura
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/3344
Appears in Collections:BFA - Teses de Mestrado
DPAUD - Tese de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
RelatorioFinal_AndréRaposo.pdf9.63 MBAdobe PDFView/Open
Anexos.pdf196.32 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE