UTL Repository >
ISEG - Instituto Superior de Economia e Gestão / ISEG - School of Economics & Management Lisbon >
Departamento de Economia / Department of Economics >
DE - Artigos em Revistas Nacionais / Articles in Portuguese Journals >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/2169

Title: Transições e pontos críticos das trajectórias de escolaridade: estudo de caso em seis escolas secundárias da Grande Lisboa
Authors: Lopes, Margarida Chagas
Keywords: Trajectórias escolares
Determinantes
Transições
"Efeito escola"
Portugal
Issue Date: 2005
Publisher: Escola Superior de Educação de Santarém
Citation: Lopes, Margarida Chagas. 2005. "Transições e pontos críticos das trajectórias de escolaridade: estudo de caso em seis escolas secundárias da Grande Lisboa". Interacções, 1(1):55-75
Abstract: A análise dos dados longitudinais com vista à reconstituição das trajectórias escolares individuais constitui um domínio de investigação relativamente pouco explorado em Portugal, devido à ausência regular de informação oficial com aquelas características. No entanto, e como nos mostram, entre outras, as teorias de ciclo de vida, este tipo de estudos revela-se de forte potencial explicativo, já que grande parte dos percursos escolares do(a)s adolescentes é marcada pela conjugação dinâmica de factores cuja influência se vai exercendo cumulativamente. A interacção de múltiplos determinantes, bem como a acção conjunta daqueles factores, revela-se particularmente nítida nos pontos mais críticos das trajectórias, designadamente na transição entre ciclos, e, especialmente, na forma mais ou menos bem sucedida como aquela transição tem lugar. De entre aqueles condicionantes dinâmicos das transições, pretendíamos considerar com especial detalhe neste contributo o chamado "efeito escola", visto tanto no que concerne à potencial mobilidade entre estabelecimentos de ensino, como ao estabelecimento específico onde o Ensino Secundário foi concluído. Com base em duas sub-amostras constituídas a partir de informação recolhida por inquérito longitudinal a 530 diplomado(a)s do Ensino Secundário de quatro e duas Escolas Secundárias da Grande Lisboa, respectivamente, conseguimos tornar evidente - neste âmbito - a influência daquele "efeito escola", a par da de outras variáveis condicionantes de consideração nem sempre habitual.
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/2169
ISSN: 1646-2335
Publisher version: http://nonio.eses.pt/interaccoes/artigos/A3.pdf
Appears in Collections:DE - Artigos em Revistas Nacionais / Articles in Portuguese Journals

Files in This Item:

File Description SizeFormat
MCL-2005.pdf76.08 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE