UTL Repository >
ISA - Instituto Superior de Agronomia >
BISA - Biblioteca do Instituto Superior de Agronomia / Library >
BISA - Dissertações de Mestrado / Master Thesis >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/2054

Title: A importância da mulher na segurança alimentar e redução da pobreza: estudo de caso no concelho de Santa Cruz - Cabo Verde
Authors: Costa, Carmen Helena Tavares Silva
Advisor: Carvalho, Bernardo Pacheco
Keywords: Cabo Verde
women
food security
poverty
mulher
pobreza
segurança alimentar
Issue Date: 2009
Abstract: The present work makes an analysis of the relation between the woman and the problematic of the poverty and the insecurity alimentary in Cabo-Verde. International organizations such as the Organization of United Nations say that the poverty has the face of the woman, therefore the majority of the 1,2 billion of poor people are women; From the 50% of all the hours worked is made by women, however just 30% of the female work only gain remuneration. While this percentage for the male work reaches around 75%; the women earn accidentally less than the men and rarely occupied the relief positions; the majority of the illiterates is the women; one in each three women is family head, who assume alone the sustenance and the education of the children. On the other hand, by FAO affirm that the woman plays a basic role in the feeding of the family, producing more than half of world-wide production. However, the women play a basic role as producers and suppliers of food and its crucial contribution in food security in family unit, the things that are not always had taken account correctly by those who always making decisions. From this global reality, this work centres its attention in the women in the Picos Hydrographical Basin in Santa Cruz Municipality in Cabo-Verde, looking for to put its role as producers, food manager and the strategies that they use to minimize shortage situations.------------------------------------O presente trabalho analisa a relação entre a mulher e a problemática da pobreza e da insegurança alimentar no concelho de Santa Cruz em Cabo-Verde. Organizações internacionais como a Organização das Nações Unidas dizem que a pobreza tem o rosto da mulher, pois a maioria dos 1,2 bilhões de pobres são mulheres; as mulheres trabalham mais do que 50% de todas as horas trabalhadas no mundo, porém só 30% do trabalho feminino aufere remuneração, enquanto esta percentagem para o trabalho masculino ronda os 75%; as mulheres ganham acentuadamente menos do que os homens e ascendem raramente a cargos de relevo; a maioria dos analfabetos são mulheres; uma em cada três mulheres é chefe de família, tendo que assumir sozinha o sustento e a educação dos filhos. Por outro lado, dados da FAO indicam que a mulher desempenha um papel fundamental na alimentação da família, produzindo mais de metade de todos os alimentos cultivados. No entanto, o seu papel fundamental como produtoras e fornecedoras de alimento e a sua crucial contribuição para a segurança alimentar familiar, nem sempre foi tido em devida conta. Partindo desta realidade global, o trabalho centra a sua atenção nas mulheres na Bacia Hidrográfica dos Picos no concelho de Santa Cruz em Cabo Verde, procurando pôr em relevo o seu papel como produtora e como gestora de alimentos e as estratégias que ela utiliza para minimizar situações de pobreza.
Description: Mestrado em Produção Agrícola Tropical - Instituto Superior de Agronomia
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/2054
Appears in Collections:BISA - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Tese final.pdf2.81 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE