UTL Repository >
ISA - Instituto Superior de Agronomia >
BISA - Biblioteca do Instituto Superior de Agronomia / Library >
BISA - Dissertações de Mestrado / Master Thesis >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/1984

Title: Valorização agrícola da cinza da co-combustão de bagaço de cana-de-açucar e biomassa lenhosa
Authors: Pita, Paulo Valério Varela
Advisor: Ribeiro, Henrique Manuel Filipe
Vasconcelos, Ernesto José de Melo Pestana
Keywords: biomass ash
liming materials
fertilizer
nutrient uptake
synergism and antagonism
cinza de biomassa
correctivo alcalinizante
fertilizante
absorção de nutrientes
sinergismo e antagonismo
Issue Date: 2009
Abstract: Ashes from joint combustion of sugar cane bagasse and wood were used as potential substitutes of conventional agricultural limestones for soil acidity neutralization. An incubation study and a pot experiment with corn (Zea mays L. cv. Moncada) were conducted, both using two acid soils and three alkaline materials, ash, agricultural calcitic limestone and agricultural dolomitic limestone, applied in CaCO3 equivalents. Results shown that on ash-amended soils, pH increased and stabilised quicker than in limestone-amended soils. The application of ash resulted in the greater biomass yield compared to other treatments. Ash application generated a significant increase on corn uptake as well as on soil extractable P and K content, more than limestone or control treatments. Therefore, ash can be considered both as liming material and PK fertilizer. The application of ash influenced the proportions of K and Ca+Mg in the exchange complex of the soil, which can lead to nutritional imbalances or to the deterioration of the colloids. The occurrence of a synergism K-NO3 and K-Ca and K-Mg antagonisms were observed. In the soil ash improved the Ca/Mg ratio and provided micronutrient enrichment with low risk of contamination by trace elements.----------------------------------------- De modo a avaliar o potencial de substituição dos calcários agrícolas por cinzas resultantes da co-combustão de bagaço de cana-de-açúcar com biomassa lenhosa, realizou-se um ensaio laboratorial de incubação e um ensaio de vegetação em vasos com a cultura do milho (Zea mays L. cv. Moncada), recorrendo a dois solos ácidos e três correctivos alcalinizantes, nomeadamente cinza, calcário calcítico e calcário dolomítico, aplicados em doses equivalentes de CaCO3. Os resultados demonstram que a cinza aumentou e estabilizou o pH dos solos mais rapidamente que os calcários. A aplicação de cinza conduziu à maior produção de biomassa observada comparativamente aos restantes tratamentos. Por outro lado, gerou um aumento significativo do P e K absorvido pelas plantas bem como do P e K extraível do solo. Assim, a cinza pode ser encarada simultaneamente como correctivo alcalinizante e fertilizante fosfopotássico. A aplicação de cinza influenciou as proporções entre K e Ca+Mg no complexo de troca, o que pode conduzir a desequilíbrios nutritivos ou à deterioração dos colóides. Observou-se a ocorrência de um sinergismo K-NO3 e dos antagonismos K-Ca e K-Mg. No solo a cinza melhorou a relação Ca/Mg e proporcionou um enriquecimento em micronutrientes com um baixo risco de contaminação por elementos vestigiais.
Description: Mestrado em Engenharia Agronómica - Instituto Superior de Agronomia
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/1984
Appears in Collections:BISA - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Tese de Mestrado 11 Jan.pdf784.05 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE