UTL Repository >
ISA - Instituto Superior de Agronomia >
DEF - Departamento de Engenharia Florestal >
DEF - Relatórios (técnicos ou científicos) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/1732

Title: Recolha de dados para determinação de biomassas e volumes de sobreiro. Protocolo para instalação de parcelas temporárias e medição de árvores amostra
Authors: Paulo, Joana Amaral
Tomé, Margarida
Keywords: sobreiro
Quercus suber
volume
biomassa
Issue Date: 2008
Publisher: Instituto Superior de Agronomia. Centro de Estudos Florestais
Citation: Paulo, J. A., Tomé, M. 2008. Recolha de dados para determinação de biomassas e volumes de sobreiro. Protocolo para instalação de parcelas temporárias e medição de árvores amostra. Publicações FORCHANGE. RT3/2008. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior Agronomia. Centro de Estudos Florestais. Lisboa. 18 pp.
Series/Report no.: Publicações Forchange;RT3/2008
Abstract: Este relatório descreve os procedimentos para a instalação e medição de parcelas temporárias de Sobreiro, com o objectivo de recolher dados para cálculo de volumes e biomassas totais e por componentes de árvores desta espécie. Os dados biométricos recolhidos, após serem armazenados na base de dados QuercusBiomass já existente (Paulo 2004), irão ser utilizados em estudos biométricos e no melhoramento de equações de biomassa. Este protocolo é uma adaptação de um já existente (Paulo et al. 2001), relativo ao mesmo tipo de trabalho mas para a espécie Azinheira. No caso do sobreiro as maiores diferenças são ao nível da avaliação da biomassa de casca/cortiça, uma vez que no caso de abate de sobreiros que já se encontram em produção, têm de ser registados de modo diferenciado os comprimentos do fuste e das pernadas que possuem cortiça virgem ou amadia. A determinação dos valores de biomassa destas duas componentes tem de ser feita de modo diferenciado. Este cuidado deve-se ao facto de a biomassa da componente casca, em árvores adultas de sobreiro, sofrer oscilações periódicas devidas ao descortiçamento e subsequente crescimento da cortiça em períodos normalmente de 9 anos. No final deste protocolo apresentam-se as simplificações a fazer quando se pretender apenas a determinação do volume da árvore amostrada, em vez da determinação da biomassa. Na secção de anexos as fichas de campo serão apresentadas na íntegra (em tamanho reduzido) assim como a lista de material.
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/1732
Appears in Collections:DEF - Relatórios (técnicos ou científicos)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
REP-Protocolo FORCHANGE RT3-2008.pdf224.81 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE