UTL Repository >
ISEG - Instituto Superior de Economia e Gestão / ISEG - School of Economics & Management Lisbon >
Biblioteca Francisco Pereira de Moura / Francisco Pereira de Moura Library >
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/994

Título: Portugal na Zona Euro: ajustamentos e convergência
Autor: Medeiros, Pedro Jorge de Castro Ferreira
Orientador: Mendonça, António
Palavras-chave: Zona Monetária Óptima (ZMO)
União Económica e Monetária (UEM)
União Europeia (UE)
Choques Assimétricos
Politica Monetária
Estabilizadores Automáticos
Economic and Monetary Union (EMU)
European Union (EU)
Optimum Currency Area (OCA)
Asymmetric shocks
Monetary Policy
Automatic mechanisms
Issue Date: Sep-2008
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Medeiros, Pedro Jorge de Castro Ferreira. 2008. "Portugal na Zona Euro: ajustamentos e convergência". Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: Decorridos oito anos desde da adesão de Portugal à terceira fase da União Económica e Monetária (UEM), existem já elementos que nos permitem avaliar o impacto dessa adesão no desempenho da economia portuguesa. Assim sendo, a presente tese pretende dar um pequeno contributo na compreensão do fenómeno da UEM, analisando o comportamento da economia portuguesa na Zona Euro face a possíveis choques assimétricos, dentro da temática da Teoria das Zonas Monetárias Óptimas (ZMO). Com base na análise dos dados recolhidos e tratados, facilmente podemos constatar que, segundo os principais critérios da Teoria das ZMO's, Portugal melhorou os seus resultados na maioria dos indicadores, entre o 2.° e o 3.° períodos, sugerindo uma maior consistência na actuação de mecanismos de ajustamento capazes de actuar na eventualidade de virem a ocorrer choques assimétricos. Não obstante os restantes resultados menos favoráveis para Portugal no período 1999¬2005, assistiu-se a uma aproximação económica com a UE, ao nível da correlação nas taxas de crescimento real do PIB, da correlação nas taxas de crescimento do Emprego, da flexibilidade dos salários reais e preços, da variabilidade das taxas de câmbio, do grau de abertura da economia ao exterior e da tendência convergente da estrutura produtiva das exportações com a Zona Euro, permitindo concluir que Portugal encontra¬se numa posição mais solidificada e integrada com a UE, após a sua adesão à Zona Euro.
Eight years have passed since Portugal joined the third phase of Economic and Monetary Union (EMU), which is time enough to give a preliminary evaluation on the Portuguese economy's performance. Thus, the present essay intends to give a small contribution on the comprehension of EMU's event, by analyzing the Portuguese economy's behaviour in the Euro Area, concerning the Optimum Currency Area (OCA)'s theory. Based on the results of data collection and its statistical analyses, we can conclude that, according to the main criteria of the OCA's theory, Portugal presents better results on most of the indicators, between the 2.nd and the 3.rd period, suggesting more consistency of the automatic mechanisms activities to accommodate possible asymmetric shocks. Despite the remaining results less favorable for Portugal between 1999 to 2005, it indicates an approximation of the Portuguese economy to the EU, specially in terms of the correlation on the GDP's real growth rate, of the correlation on growth rate, of the flexibility on the real wages and prices, of the exchange rate's variability, of the degree of economic openness and of the convergent trend on the productive structure of exportation with the EU, showing a more solidified and integrated economy after joining the Euro Area.
Descrição: Mestrado em Economia e Estudos Europeus
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/994
Appears in Collections:DE - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Portugal na Zona Euro- Ajustamentos e Convergência.pdfDocumento principal1,49 MBAdobe PDFView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
Abstract_Portugal in the Euro Area- Adjustments and Convergence.pdf77,82 kBAdobe PDFView/Open
Resumo_Portugal na Zona Euro - Ajustamentos e Convergência.pdf68,3 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE