Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/9275
Título: A imparidade e os ativos por imposto diferidos : o impacto das novas regras regulatórias aplicáveis às entidades bancárias
Autor: Durabile, Vicenzo António Pires de Almeida
Orientador: Lousa, Maria dos Prazeres
Palavras-chave: Imparidades
Ativos por Impostos Diferidos
Relação Contabilidade-Fiscalidade
Regras Regulatórias
Bancos
Basileia III
Impairment
Deferred Tax Assets
Accounting and Fiscal Relation
Regulatory Rules
Banks
Basel III
Data de Defesa: 2015
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Durabile, Vicenzo António Pires de Almeida (2015). "A imparidade e os ativos por imposto diferidos : o impacto das novas regras regulatórias aplicáveis às entidades bancárias". Dissertação de Mestrado, Universidade de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: A presente dissertação foca-se na problemática das imparidades, e respetivo impacto nos ativos por impostos diferidos, no âmbito das novas regras regulatórias aplicáveis às empresas do setor bancário, no que diz respeito ao cálculo dos fundos próprios, introduzidas pelo Regulamento (UE) n.º 575/2013 e pela Diretiva 2013/36/UE, ambos do Parlamento Europeu e Conselho, de 26 de junho seguindo as recomendações do quadro regulamentar conhecido como Basileia III. A análise efetuada aos dados relevantes das demonstrações financeiras consolidadas de quatro das maiores instituições bancárias portuguesas indicia que, os efeitos do novo quadro regulamentar poderiam assumir expressão significativa no setor bancário português e que a nova legislação aprovada, permitindo a conversão de alguns tipos de ativos por impostos diferidos em créditos tributários, procura minorar esse impacto. O estudo da origem dos problemas criados por novos quadros regulamentares no setor bancário e dos seus impactos é de uma enorme importância, dado o caráter sistémico que este assume em todos os restantes setores da economia real.
This dissertation focuses on the problem of impairments, and respective impact on deferred tax assets, under the new regulatory rules applicable to companies in the banking setor, regarding the own funds calculation, introduced by Regulation (EU) No. 575/2013 and Directive 2013/36/EU, both of the European Parliament and Council, of 26 June, following the recommendations of the regulatory framework known as Basel III. The analysis carried out the relevant data, the consolidated financial statements of four of the larger Portuguese banks, indicates that the effects of the new regulatory framework could take significant expression in the Portuguese banking setor and that the new legislation adopted that allows the conversion of some types of deferred tax assets on tax credits, seeks to reduce this impact. The study of the origin of the problems created by new regulatory frameworks in the banking sector, and its impacts, is of great importance given the systemic character that this assumes in all other sectors of the real economy.
Descrição: Mestrado em Contabilidade, Fiscalidade e Finanças Empresariais
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/9275
Aparece nas colecções:DG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-VAPAD-2015.pdf947,12 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.