Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/8879
Título: Análise da influência das condições ambientais na performance dos trabalhadores de uma indústria.
Autor: Carvalhal, Carina Serrano Esteves
Orientador: Melo, Rui Miguel Bettencourt
Palavras-chave: Ambiente térmico
Desempenho
Iluminação e qualidade do ar interior
Ruído
Satisfação
Data: 2011
Citação: Carvalhal, Carina Serrano Esteves (2011) - Análise da influência das condições ambientais na performance dos trabalhadores de uma indústria. Relatório de Estágio. Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Motricidade Humana.
Resumo: Este trabalho teve como objectivo avaliar a existência de uma relação entre as condições de trabalho existentes e o desempenho dos trabalhadores, numa indústria portuguesa, a Janz - Contagem e Gestão de Fluídos, S.A, vocacionada para o desenvolvimento e produção de contadores de fluidos e respectiva gestão, contando com um universo de 160 trabalhadores e a produzir desde 1915. O objectivo específico foi aferir a influência das condições de iluminação, ruído, qualidade do ar interior e ambiente térmico na motivação, e consequentemente, no nível de desempenho laboral dos trabalhadores pertencentes a duas secções desta indústria, nomeadamente a secção de relojoaria e a secção de montagem de contadores, dependendo esta segunda do trabalho da primeira, dado que elas estão ligadas em cadeia. O trabalho desenvolveu-se em 5 fases: o Caracterização da empresa, com vista ao conhecimento das actividades desenvolvidas e das áreas estudadas; o Desenvolvimento um inquérito junto dos trabalhadores da Janz, com vista a identificar o nível de satisfação com as condições de trabalho existentes; o Avaliação dos factores de risco ambientais, nomeadamente iluminação, ambiente térmico, qualidade do ar e ruído ocupacional; o Análise do absentismo e acidentes de trabalho, para determinar a sua influência na produtividade; o Comparação com valores de referência legislados e /ou normalizados. Da análise e discussão dos resultados deste estudo foi possível concluir que, à excepção do ruído, todos os factores de risco se encontram fora dos níveis recomendados, expondo os trabalhadores a condições desadequadas, que poderão trazer consequências para a saúde destes. Os parâmetros biológicos deverão ser avaliados segundo um plano de avaliação a ser implementado pela Medicina do Trabalho. Verificou-se ainda que apesar dos factores se encontrarem desadequados, e influenciarem os níveis de satisfação da maioria dos trabalhadores e chefias, não são por si só, determinantes nos níveis de desempenho. Este, é antes mais influenciado pelos níveis de absentismo do que pelas condições existentes.
Descrição: Mestrado em Ergonomia
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/8879
Aparece nas colecções:BFMH - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TESE_Ergonomia_Carina Carvalhal[1].pdf1,04 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.