Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/8492
Título: Colonização nosocomial por bactérias de Gram negativo resistentes produtoras de β-lactamases em cães
Autor: Correia, Joana Alves Veloso Domingues
Orientador: Pomba, Maria Constança Matias Ferreira
Reisinho, Ana Teresa Severino Caldeira
Palavras-chave: Cães
Resistência
β-lactamases
Cefalosporinas de 3ª geração
Carbapenemos
Dogs
Resistance
β-lactamases
3rd generation cephalosporins
Carbapenems
Data de Defesa: 26-Mar-2015
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Correia, J.A.V.D. (2015). Colonização nosocomial por bactérias de Gram negativo resistentes produtoras de β-lactamases em cães. Dissertação de mestrado. Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: Os antibióticos β-lactâmicos são os mais usados, tanto na medicina veterinária como humana. O mecanismo de resistência mais comum a esta classe de antibióticos é a produção de β-lactamases (β-lactamases de espectro alargado - ESBLs, cefalosporinases - AmpCs e carbapenemases) por bactérias de Gram negativo. Os objectivos deste trabalho foram: detectar a presença e quantificar a colonização nosocomial do trato gastrointestinal por bactérias de Gram negativo produtoras de β-lactamases, em cães submetidos a tratamento cirúrgico e identificar quais os factores de risco responsáveis pela colonização e pelo aumento da carga bacteriana. Recolheram-se amostras fecais a 43 cães pertencentes ao grupo de controlo do ambiente (C1ca, n=43) e a 25 cães do grupo de cirurgia: na admissão ao hospital no dia da cirurgia (C1cx, n=25) e após a cirurgia (C2cx, n=22). As recolhas foram realizadas no Hospital Escolar da FMV-ULisboa, entre Fevereiro e Julho de 2014. As amostras foram processadas no Laboratório de Resistência aos Antibióticos e Biocidas (LRAB). Foram isoladas bactérias resistentes às cefalosporinas de 3ª geração (3CG) a partir do meio de MacConkey com 2μg/ml de cefotaxima e bactérias resistentes aos carbapenemos a partir do meio de MacConkey com 2μg/ml de meropenem. Foram realizados testes fenotípicos (Testes de Susceptibilidade aos Antibacterianos [TSA] pelo método de difusão em disco) e testes genotípicos (Polymerase Chain Reactions [PCRs]), de forma a identificar qual o mecanismo de resistência presente nas bactérias isoladas. Nas estirpes resistentes às 3CG, verificou-se um aumento significativo de animais colonizados em C2cx (73%, n=16/22), relativamente a C1cx (P=0,007) e a C1ca (P=0,017). O número de animais colonizados foi também significativamente superior no grupo C1ca (P=0,030) relativamente aos cães em C1cx. As contagens foram significativamente superiores em C2cx comparativamente a C1cx(P=0,004) e a C1ca(P<0,0001), e em C1ca relativamente a C1cx (P=0,0006). Entre os possíveis factores de risco analisados o factor residente (P=0,030) foi o único significativo para o aumento do número de animais colonizados com estirpes resistentes às 3CG e o factor tempo de contacto com a FMV(P=0,001) para o aumento da carga bacteriana. A resistência aos carbapenemos em C1cx foi de 4% (n=1), em C2cx de 23% (n=5) e no grupo C1ca foi de 2% (n=1). As β-lactamases mais prevalentes foram as ESBLs, foram detectadas apenas duas AmpCs plasmídicas e não foram detectadas Carbapenemases. Este trabalho vem reforçar a importância da aplicação de sistemas de controlo de colonização e de infecção nosocomial, para assim melhorar os cuidados de saúde animal e proteger a Saúde Pública.
ABSTRACT – NOSOCOMIAL COLONIZATION BY RESISTANT β-LACTAMASES PRODUCERS GRAM NEGATIVE BACTERIA IN DOGS - β-Lactam antibiotics are the most frequently used both in human and veterinary medicine. The most common resistant mechanism to this class of antibiotics is the production of β- lactamases (Extended Spectrum β-lactamases - ESBLs, Cephalosporinases - AmpCs and Carbapenemases) by Gram negative bacteria. The aim of this study was to detect the presence and quantify nosocomial colonization of the gastrointestinal tract by β-lactamase producing Gram negative bacteria on dogs treated surgically and identify the risks factors responsible for the colonization and the increased bacterial quantification. Fecal samples were collected from 43 dogs belonging to the environmental control group (C1ca, n=43) and 25 dogs from the surgery group: on admission to the hospital before surgery (C1cx, n=25) and after surgery (C2cx, n=22). The samples were collected at the FMV-ULisboa Veterinary Teaching Hospital between January and July 2014. The samples were treated in the FMV-ULisboa Laboratory of Resistance to Antibiotics and Biocids. Bacteria resistant to 3rd generation cephalosporins (3CG) were isolated from MacConkey medium with 2μg/μl cefotaxime and carbapenem resistant bacteria were isolated from MacConkey medium with 2μg/μl of meropenem. Phenotypic tests (Antibacterial Susceptibility Testing using the disk diffusion method) and genotypic tests (Polymerase Chain Reactions) were used in order to identify the resistant mechanism in isolated bacteria. There was a significant increase of 3CG resistant strains colonized dogs in C2cx (73%, n=16/22) comparing to C1cx (P=0,007) and C1ca (P=0,017). The number of colonized dogs was also significantly higher in C1ca group (P=0,030) comparing to the C1cx. The bacteria number were significantly higher in C2cx comparing to C1cx(P=0,004) and C1ca group (P<0,0001), and in C1ca group comparing to C1cx (P=0,0006). The resident risk factor was the only one significant (P=0,030) for the increase of colonized animals with 3CG resistant strains and FMV contact time (since when dogs come to FMV) risk factor was the only one significant (P=0,001) for the increased bacterial quantification. The carbapenem resistance bacteria colonization in the dogs of C1cx was 4% (n=1) and in C2cx was 23% (n=5) and in C1ca group was 2% (n=1). The most prevalent β-lactamases were the ESBLs, only two plasmid mediated AmpC were detected and none Carbapenemases. This study enhances the importance of nosocomial colonization and infection control systems, in order to improve animal health and safeguard Public Health.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/8492
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Colonização nosocomial por bactérias de Gram negativo resistentes produtoras de β-lactamases em cães.pdf1,55 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.