Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/8400
Título: O impacto das guerras mundiais no êxodo dos Judeus : o trânsito pelo Atlântico e o caso da ilha da Madeira
Autor: Pereira, Sílvia Natacha da Silva Martins
Orientador: Mendes, Nuno Canas
Palavras-chave: Judeus
Ilha da Madeira
Diáspora
Primeira guerra mundial
Segunda guerra mundial
Comunidade
Data de Defesa: 2014
Editora: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas
Resumo: RESUMO Este estudo insere-se no âmbito da História das Relações Internacionais e versa a temática do êxodo dos judeus, enquadrada na política externa e na balança de poderes britânica e alemã no período das Guerras Mundiais e do seu impacto no microcosmos regional da Madeira. Esta ilha surge como um case-study que ilustra o choque entre essas duas potências mundiais e a sua relação com a diáspora judaica. O século XIX marca a chegada das famílias judaicas movidas por interesses comerciais, que conquistaram prestígio na sociedade madeirense, pelos cargos que ocuparam e por via dos casamentos que realizaram. No período que antecedeu o início da Segunda Guerra Mundial assistiu-se à chegada de judeus em fuga da Alemanha nacional-socialista e após a eclosão do conflito encontramos ali fixados judeus vindos do Leste europeu, refugiados de Gibraltar e os descendentes das famílias que se fixaram no século XIX. Atualmente em termos de marcas desta presença para além de um cemitério em elevado estado de degradação, encontramos a residir na Madeira judeus estrangeiros que ai fixaram residência, um conjunto de pessoas que buscam as suas raízes judaicas (Bnei Anussim) e já assimilados na sociedade madeirense alguns descendentes das primeiras famílias que se estabeleceram.
ABSTRACT This study in the area of the History of International Relations has as subject the Jews exodus in the context of the British and German foreign policy and balance of powers during the World Wars and their impact on regional microcosm of Madeira Island. This island appears as a case study that illustrates the two world powers crash and their relation with the Jewish diaspora. The nineteenth century marks the arrival of Jewish families motivated by commercial interests, which gained high-status in Madeiran society, based on the charges they occupied and through their marriages. In the period preceding the outbreak of the Second World War the island received several Jews escaping Nazi Germany. During the conflict it was also possible to find Jews from Eastern Europe, refugees from Gibraltar and the descendants of the families who settled in the nineteenth century. Currently this presence is fundable in Madeira by a cemetery in a high state of degradation, a few foreign Jews residing, a group of people seeking their Jewish roots (Bnei Anussim) and some descendants of the first families that are assimilated in Madeiran society.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Relações Internacionais
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/8400
Aparece nas colecções:BISCSP – Teses de mestrado



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.