Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/8182
Título: As medidas de reformas estruturais em Angola no âmbito do acordo stand-by com o Fundo Monetário Internacional
Autor: Mafo, José Alberto
Palavras-chave: Fundo Monetário Internacional
Acordo Stand-by
Governo Angolano
Gestão das Finanças Públicas
Transparência
International Monetary Fund
Stand-by Arrangement
Angolan government
structural reforms
Public finance management
Transparency
Data de Defesa: 2014
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Mafo, José Alberto (2014). "As medidas de reformas estruturais em Angola no âmbito do acordo stand-by com o Fundo Monetário Internacional". Dissertação de Mestrado, Universidade de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: O presente trabalho tem como objectivo analisar as medidas de reformas estruturais implementadas em Angola no âmbito do Acordo Stand-by com o Fundo Monetário Internacional (FMI) no período de 2009 a 2012, com ênfase na transparência, prestação de contas e na gestão das receitas provenientes do petróleo. Em Novembro de 2009, o Governo Angolano submeteu-se aos programas de reformas estruturais do FMI, depois de ter solicitado um programa de assistência financeira para resolver os desequilíbrios macroeconómicos internos e externos. No entanto, a origem do fraco desempenho macroeconómico de Angola neste período, parece ter sido resultado da falta de disciplina orçamental do governo, associada à crise financeira de 2008-2009, que provocou a queda do preço internacional do petróleo e das reservas líquidas internacionais.
This work intend to analyse the measurements of structural reforms implemented in Angola under the Stand-by Arrangement with the International Monetary Fund (IMF) for the period 2009-2012, focusing transparency, accountability and management of oil revenues. In November 2009, Angola has undergone structural reforms to IMF programs after having requested a program of financial assistance to resolve internal and external macroeconomic imbalances. However, the origin of the weak macroeconomic performance of Angola in this period seems to have been a result of lack of fiscal discipline of the government, coupled with the financial crisis of 2008-2009, which caused a drop in the international price of oil and the net international reserves.
Descrição: Mestrado em Desenvolvimento e Cooperação Internacional
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/8182
Aparece nas colecções:DE - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-JAM-2014.pdf909,72 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.