Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/8023
Título: As políticas públicas e o custo do trabalho: um contributo para a competitividade da indústria automóvel em Portugal
Autor: Nascimento, Suelen Cristina Tavares do
Orientador: Costa, Carla Margarida Guapo
Palavras-chave: Competitividade
Políticas públicas
Custo do trabalho
Indústria automóvel
Data de Defesa: 2014
Editora: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas
Resumo: O esforço da investigação concentra-se em identificar qual a categoria de políticas públicas que, segundo a análise do discurso dos entrevistados comparado às impressões do Relatório de Competitividade Global 2013-2014, pode promover o ambiente competitivo da indústria automóvel em Portugal e verificar, dos doze pilares da competitividade, se a eficiência do mercado de trabalho, e o custo do trabalho, apresenta a maior vulnerabilidade para a competitividade da indústria. A escolha da indústria automóvel portuguesa foi estratégica dada a sua relevância socioeconómica global, além de possuir as características fundamentais para atingir os objetivos definidos. Utilizámos a metodologia de investigação qualitativa e tendo o método sido, predominantemente, comparativo, recorremos à fontes primárias e secundárias de pesquisa. Os resultados apontaram que, para além de um ambiente macroeconómico pouco fértil e dinâmico, os custos de contexto, a elevada carga fiscal e o difícil acesso ao financiamento são os maiores entraves à competitividade, de acordo com a análise do discurso dos entrevistados e dos resultados do Relatório. Além disso, o custo do trabalho jamais foi citado como um problema enfrentado pela indústria mas, pelo contrário, consideraram a qualidade da mão-de-obra nacional uma importante vantagem competitiva para o país. Sendo assim, e de acordo com a categorização de Christopher Hood, a categoria de políticas públicas Treasure é a mais adequada para a criação de condições para a resolução de problemas competitivos da indústria que, em última instância, são também problemas socioeconómicos.
The research effort focuses on identifying which category of public policies that, according to the discourse analysis of the interviewees compared to the impressions of the Global Competitiveness Report 2013-2014, can promote the competitive environment of the automotive industry in Portugal and verify, from the twelve pillars of competitiveness, if the efficiency of the labor market, and the labor cost, has the highest vulnerability to the industry's competitiveness. The choice of the Portuguese automotive industry was strategic, given its global socio-economic relevance, in addition to having the fundamental characteristics so that the objectives were achieved. We used the methodology of qualitative research, being the comparative method predominant, which led us to the use of primary and secondary research sources. The results showed that, apart from a little fertile and dynamic macroeconomic environment, the costs of context, the high taxes and the difficult access to funding are the main barriers to competitiveness, according to the analysis of the interviews and the results of the Report. In addition, the labor cost was never cited as a problem faced by the industry but, on the contrary, the quality of national-labor was considered as an important competitive advantage for the country. Thus, and according to the categorization of Christopher Hood, the category of public policies Treasure is the most suitable for the creation of conditions for resolving competitive issues in the industry, which ultimately are also socio-economic problems.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Gestão e Políticas Públicas
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/8023
Aparece nas colecções:BISCSP – Teses de mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Suelen Tavares - Dissertação de Mestrado.pdf2,03 MBAdobe PDFVer/Abrir
Suelen Tavares - resumo dissertação.pdf179,12 kBAdobe PDFVer/Abrir
Suelen Tavares - abstract dissertação.pdf175,38 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.