Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/8016
Título: Estratégias de coping em pessoas com necessidades especiais : estudo exploratório acerca da inclusão no mundo do trabalho
Autor: Nóbrega, Sandra Maria dos Santos de Assunção de
Orientador: Lopes, Miguel Pereira
Palavras-chave: Estratégias de coping
Necessidades especiais
Stress
Grounded Theory
Modelo de processamento
Medidas de inclusão
Data de Defesa: 2014
Editora: Instituto Superior de Ciências Sociaus e Políticas
Resumo: Mais de mil milhões de indivíduos em todo o mundo convivem com alguma forma de deficiência, sendo que cerca de 200 milhões experimentam dificuldades funcionais. consideráveis. O diagnóstico de uma necessidade especial pode ser interpretado como um momento d e crise, ameaça e stress. O sucesso em lidar com a necessidade especial dependerá das estratégias individuais de coping , definido como sendo o processo usado para lidar com as questões da relação entre o individuo e o ambiente. Pretendeu - se estudar como é que os indivíduos com necessidades especiais transformam um evento aparentemente negativo em resultados positivos e adaptativos. Procurou - se conhecer o processo de coping e os seus componentes emocionais, cognitivos e comportamentais. Nesta investigação fo i realizado um estudo qualitativo tendo por base a análise de conteúdo das entrevistas a 15 colaboradores de uma instituição pública na Região Autónoma da Madeira. A técnica de análise de dados utilizada foi a Grounded Theory , através da categorização aber ta e axial. Embora não fosse atingido o ponto de saturação, este estudo exploratório possibilitou conhecer as estratégias de coping que os colaboradores utilizam para lidar com a sua deficiência e com situações stressantes no local de trabalho, sendo evide nte uma maior ênfase para as estratégias de coping baseadas na emoção. São também apresentadas algumas propostas de medidas facilitadoras da inclusão nas organizações, focando essencialmente questões de eliminação de barreiras arquitetónicas e acessibilida des.
ABSTRACT More than a billion of persons around the world live with some form of disability, and that 200 million of them experience considerable functional difficulties. The diagnosis of a special need can be interpreted as a moment of crisis, threat and stress. Success in dealing with special need will depend on individual coping strategies, defined as the process u sed to deal with the issues of the relationship between the individual and the environment. This research studied how individuals with special needs turn a seemingly negative event into positive and adaptive outcomes. We also studied the process of coping and their emotional, cognitive and behavioral components. This research is based on a qualitative study by content analysis of interviews of 15 employees of a public institution in the Autonomous Region of Madeira. The data analysis used was Grounded Theor y with open and axial categorization. Although not reached the saturation point, this exploratory study allows understanding the coping strategies used to deal with the disability and with stressful situations in the workplace. It is evident a greater emph asis on coping strategies based on emotion. Were also presented some proposed measures that can facilitate the inclusion in organizations, primarily focusing on issues of elimination of architectural barriers and accessibility.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Políticas de Desenvolvimento e Recursos Humanos
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/8016
Aparece nas colecções:BISCSP – Teses de mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese final 19 Dezembro v.pdf1,67 MBAdobe PDFVer/Abrir
formulario- resumo.pdf164,2 kBAdobe PDFVer/Abrir
formulario_abstract_mestrado.pdf84,16 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.