Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/7979
Título: Rendimento social de inserção, um caminho para a empregabilidade : estudo de caso no distrito de Lisboa
Autor: Santos, Mafalda Luísa Ferreira de Jesus
Orientador: Cardim, Maria Engrácia
Palavras-chave: Desemprego
Pobreza
Inserção Social
Política Pública
Autonomia
Empreendedorismo
Data de Defesa: 2014
Editora: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas
Resumo: A crise da dívida pública n a Zona Euro potenciou, em Portugal, um aumento das desigualdades sociais, taxa de desemprego, diminuição dos salários e aumento da taxa de risco de pobreza. Destaca - se a Política Pública Rendimento Social de Inserção pois, providencia o desenvolvimento de condições de autonomia económica e social dos mais carenciados, reforçando a natureza social e inclusão profissional dos mesmos. Nos últimos anos, a discussão relativamente a este programa e à eficiência dos recursos e despesa do Estado intensificou - se tornando, a relação entre a formulação da medida e a sua implementação e viabilidade de aceitação social de condições para a sua ref ormulação, o foco desta investigação. Analisaram - se os dados provenientes da recolha de percepções sobre a empregabilidade e a autonomia promovidas pelo RSI a titulares da medida entre os 18 e 32 anos no distrito de Lisboa e a viabilidade e aceitação soci al face à sua reformulação, por inclusão de condições de aplicação associadas à prestação de trabalho cívico qualificante, por contrapartida da prestação pecuniária. Destaca - se o empreendedorismo, criação da micro - empresa ou actividade por conta própria, e nquanto solução para o combate ao desemprego e inserção social, destacando os projectos da Cáritas Portuguesa e Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.
With the advent of the current euro - crisis, Portugal suffered an increase in social inequality, unemployment rate, wage decrease and subsequent increase of the rate of risk of poverty. The “Social Integration Income” (RSI) public policy, w hich provides conditions for the development of economic and social autonomy to families who temporarily lack a minimum subsistence income, attempts to address these social disparities. However, there has been a growing discussion on the effectiveness of this policy, given the current national economic situation. As such, the main focus of this thesis is twofold; 1) determine the social acceptance of this type of policy; 2) propose ways to increase its effectiveness. Interviews on the employability and autonomy provided by the RSI was gathered. This data shows tha t the viability and social acceptance of a future reform is predicated on the inclusion of qualifying civic duty associated with the receipt of the cash benefits. In parallel to this, it is also shown that entrepreneurship, micro - enterprise and other kind s of self - employment are also viable solutions in the combat of unemployment and social insertion. Indeed, projects from the Cáritas Portuguesa and Santa Casa da Misericórdia de Lisboa have currently shown good results in this aspect.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Gestão e Políticas Públicas
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/7979
Aparece nas colecções:BISCSP – Teses de mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_completo.pdf2,51 MBAdobe PDFVer/Abrir
Resumo_mestrado.pdf107,19 kBAdobe PDFVer/Abrir
Abstract_mestrado.pdf141,57 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.