Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/7925
Título: Antecedentes das actividades de procura de emprego dos finalistas do ISEG
Autor: Pliças, Maria Rosa Brás Morais
Orientador: Soares, Maria Eduarda
Palavras-chave: Inteligência Emocional
Incerteza de Carreira
Proatividade
Auto-eficácia
Atividade de Procura de Emprego
Emotional Inteligence
Carreer Uncertainty
Proactivity
Self-efficacy
Job Seeking Activity
Data de Defesa: 2014
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Pliças, Maria Rosa Brás Morais (2014). "Antecedentes das actividades de procura de emprego dos finalistas do ISEG". Dissertação de Mestrado, Universidade de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: No atual contexto económico e social, assistimos a um crescente aumento do número de pessoas com formação académica superior, não acompanhado pela oferta de emprego do mercado de trabalho. A presente Dissertação pretende estudar as atividades desenvolvidas pelos alunos finalistas das Licenciaturas do ISEG visando a obtenção de emprego no final do curso. O principal objetivo é perceber qual o impacto da inteligência emocional, de características de personalidade (proatividade), de atitudes quanto à procura de emprego (autoeficácia na procura de emprego e indecisão de carreira) e do perfil sociodemográfico (género, idade e licenciatura) no tipo e frequência de realização de atividades de procura de emprego. Todas estas variáveis foram estudadas anteriormente, à exceção da IE, pelo que a inclusão desta variável constitui a originalidade deste estudo. Os resultados indicam que a frequência de realização de atividades genéricas (e.g., candidaturas espontâneas) está positivamente associada à autoeficácia na procura de emprego e que os alunos do género feminino aproveitam mais as atividades proporcionadas pelo ISEG (e.g., participar na Feira de Emprego). Verificou-se ainda uma correlação positiva significativa entre a inteligência emocional e as atividades de iniciativa própria (e.g., estabelecimento de networks com profissionais de referência).
In the current economic and social context, we witness an increasing number of people with University degrees who cannot find a position in the labour market. The current research studies the activities of ISEG's undergraduate students seeking for a job after graduation. Its main goal is to understand the impact of emotional intelligence, personality characteristics (proactivity), attitudes towards job seeking (self-efficacy in job seeking and career indecision) and demographic variables (gender, age and field of studies) on the type and frequency of activities. Undertaken all these variables were studied before, with the exception of EI. Therefore, the inclusion of EI is the main originality of this study. Results indicate that the frequency of general activities (e.g., spontaneous applications) is positively associated with self-efficacy and that female students take more advantage of activities offered by ISEG (e.g., job fairs). A significant positive correlation was found between emotional intelligence and self-initiative activities non traditional (e.g., establishing network, with reference professionals).
Descrição: Mestrado em Gestão de Recursos Humanos
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/7925
Aparece nas colecções:DG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-MRBMP-2014.pdf1,36 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.