Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/7901
Título: Comportamento alimentar de éguas Puro Sangue Lusitano em pastagens de regadio
Autor: Correia, Raquel Alexandra Jerónimo
Orientador: Santos, Ana Sofia Gonçalves
Bessa, Rui José Branquinho de
Palavras-chave: Equinos
Comportamento alimentar
Dieta
Horses
Grazing behaviour
Diet
Data de Defesa: 15-Dez-2014
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Correia, R.A.J. (2014). Comportamento alimentar de éguas Puro Sangue Lusitano em pastagens de regadio. Dissertação de mestrado. Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: O comportamento dos equinos em pastagem integra uma série de escolhas que estão relacionadas com características da vegetação e com o próprio animal. No presente estudo foram avaliadas 15 éguas adultas e 9 poldras alfeiras, totalizando 24 animais, divididas em dois grupos de nível alimentar diferente: a parcela 1 com 7 éguas alimentadas ao nível de manutenção (G100) e 4 poldras em crescimento moderado (CM); a parcela 2 com 8 éguas alimentadas acima da manutenção (G130) e 5 poldras em crescimento óptimo (CO). Pretendeu-se avaliar o comportamento alimentar dos animais, a nível do tempo de busca e preensão de alimento e selecção do alimento. Verificou-se, num total de 13,15 horas de observação, que os animais passaram cerca de 11h horas em procura e ingestão de alimento (82%). Verificou-se que os animais da parcela 1 passaram mais horas em actividade de busca e preensão de alimento (11,44 horas) do que os animais da parcela 2 (11,03 horas). Em todos os animais avaliados se verificou que, as gramíneas, foram a família mais selecionada, no entanto, os animais da parcela 2 selecionaram mais gramíneas e leguminosas que os da parcela 1 (P<0,001) e, os animais da parcela 1, ingeriram infestantes e outras em maior proporção que os da parcela 2 (P<0,001).
ABSTRACT - FEEDING BEHAVIOUR OF LUSITANO MARES ON IRRIGATED PASTURES - The behaviour of horses on pasture integrates a series of choices that are related to vegetation characteristics and to the animal itself. In this study 15 adult mares and 9 fillies, totaling 24 animals divided into two groups of different feeding level, were studied: Group 1 with 7 mares fed to maintenance level (G100) and 4 fillies in moderate growth (CM); Group 2 with 8 mares fed above maintenance (G130) and 5 fillies in optimal growth (CO). It was intended to evaluate the animals feeding behaviour, grazing time and selection of food level. In a total of 13,15 hours of observation, it was found that animals spent approximately 11h hours searching and ingesting food (82%). It was assessed that the animals of Group 1 spent more hours in grazing activity (11,44 hours) than animals of Group 2 (11,03 hours). In all animals evaluated was assessed that grasses were the most selected species, however, the animals of Group 2 selected more grasses and legumes than the first Group (P <0,001) and the animals of Group 1 ate weeds and other species in a greater proportion than the second Group (P <0,001).
Descrição: Dissertação de Mestrado em Engenharia Zootécnica/Produção Animal
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/7901
Aparece nas colecções:DPASA - Teses de Mestrado
BFMV - Teses de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Comportamento alimentar de éguas Puro Sangue Lusitano em pastagens de regadio.pdf1,03 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.