Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/7895
Título: Efeitos de duas idades de desmame (21 e 28 dias) na produtividade dos leitões e das porcas
Autor: Capoulas, Joaquim Izá
Orientador: Caldeira, Rui Manuel de Vasconcelos e Horta
Fontes, Magda Alexandra Nobre Martins Aguiar de Andrade
Palavras-chave: Porcos
Idade ao desmame
Produtividade
Ganho médio diário
Índice de conversão
Pigs
Weaning age
Productivity
Average daily gain
Feed conversion
Data de Defesa: 8-Jan-2015
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária. Instituto Superior de Agronomia
Citação: Capoulas, J.I. (2015). Efeitos de duas idades de desmame (21 e 28 dias) na produtividade dos leitões e das porcas. Dissertação de mestrado. Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Instituto Superior de Agronomia, Lisboa.
Resumo: O objectivo deste trabalho foi comparar as performances zootécnicas de leitões submetidos a duas idades de desmame diferentes (21 vs 28 dias), as performances reprodutivas das porcas que originaram esses leitões e, posteriormente, analisar qual destas opções é a mais rentável, nas condições da exploração onde foi realizado o ensaio. Foram constituídos dois grupos: um com 5 porcas e os respectivos leitões (60) que foram desmamados aos 21 dias (D21) e outro com 6 porcas e os respectivos leitões (67) que foram desmamados aos 28 dias (D28). A partir do desmame, os leitões foram divididos em 4 grupos por critérios de idade ao desmame e sexo e alojados em 4 parques. Os leitões foram pesados ao nascimento e aos 7, 14, 21 e, no caso dos desmamados mais tarde, aos 28 dias. A partir do desmame, os porcos foram pesados uma vez por mês até aos 6 meses de vida, idade de abate. O alimento distribuído aos animais durante todo o período de ensaio foi pesado e, em cada mês, durante 5 dias consecutivos, foi também pesado o refugo a fim de avaliar a ingestão de alimento por parque. Verificou-se que não houve diferenças entre tratamentos em relação aos produtos dos partos, nos quais tiveram origem os leitões utilizados neste ensaio, bem como nos produtos da parição seguinte. Observou-se também que todas as porcas de ambos os tratamentos ficaram gestantes, apresentando um intervalo desmame-cobrição fecundante de 4 dias. Verificou-se que o PV dos leitões do tratamento D21 até ao desmame foi superior (P<0,05) a partir do 17º dia de idade. Desde o desmame até ao abate os PV dos porcos do tratamento D21 foram sempre superiores (P<0,05). Ao nível da ingestão de alimento, observou-se que os valores para os dois tratamentos não diferiram, apesar de os animais desmamados mais cedo terem apresentado uma tendência para uma maior ingestão. Verificou-se também que, aparentemente, o IC foi melhor nos animais do tratamento D28. Economicamente, verificou-se um acréscimo de +0,96€/porco a favor do desmame aos 21 dias. Conclui-se, então, que, não tendo havido diferenças significativas entre os dois desmames no crescimento dos leitões/porcos e na eficiência reprodutiva das porcas, o desmame aos 21 dias poderá ser mais vantajoso dado que permitirá que as porcas produzam mais leitões na sua vida útil.
ABSTRACT - The aim of this study was to compare the zootechnical performances of piglets subjected to two different weaning ages (21 vs 28 days), the reproductive performance of their sows and analyze which of these options is the most profitable in the conditions of the farm where the trial was performed. Sows and their piglets were randomly assigned to two groups: one with 5 sows and their piglets (60), weaned at 21 days (D21) and the other with 6 sows and their piglets (67), weaned at 28 days (D28). After weaning, the piglets were divided in 4 groups by criteria of weaning age and sex and housed in 4 pens. Piglets were weighed at birth and at 7, 14, 21 and, in the case of those weaned later, at 28 days. After weaning, pigs were weighed once a month until 6 months of age, when they were slaughtered. All food distributed to animals during the trial was weighed and, in each month for 5 consecutive days, leftovers was also weighed to assess the intake per pen. There weren´t any differences between the two groups in what refers to the prolificacy of sows in the farrowing where those piglets were born that as well as in the following farrowing. It was also observed that all sows of both treatments became pregnant after weaning, showing a weaning-mating interval of 4 days. It has been found that the D21 piglets weight was higher (P <0.05) from day 17 of age to weaning. From weaning to slaughter, the D21 pigs weight were also always higher (P <0.05). In terms of food intake, we observed that the values for the two treatments didn´t differ, although the animals early weaned presented a trend ford a higher intake. It was also found an apparent better feed conversion in D28 animals. Economically, there was an increase of +0.96€/pig in favor of 21 days weaning. Given the absence of substantial differences between the two weaning ages in the growth of piglets/pigs and in the reproductive efficiency of sows, it was concluded that weaning at 21 days may be more beneficial since it will allow sows to produce more piglets in their productive life.
Descrição: Dissertação de mestrado em Engenharia Zootécnica/Produção Animal
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/7895
Aparece nas colecções:DPASA - Teses de Mestrado
BFMV - Teses de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Efeitos de duas idades de desmame (21 e 28 dias) na produtividade dos leitões e das porcas.pdf983,69 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.