Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/7855
Título: Estudo de uma nova técnica atraumática para o diagnóstico de Demodex canis e sua comparação com técnicas já utilizadas
Autor: Lousada, Rita Maria Sousa
Orientador: Lourenço, Ana Mafalda Gonçalves Xavier Félix
Sampaio, Isabel Maria Soares Pereira da Fonseca de
Palavras-chave: Demodicose
Demodex
Cão
Diagnóstico
Métodos atraumáticos
NIVEA Clear-up Strips®
Demodicosis
Dog
Diagnosis
Non-traumatic methods
Data de Defesa: 21-Jan-2015
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Lousada, R.M.S. (2015). Estudo de uma nova técnica atraumática para o diagnóstico de Demodex canis e sua comparação com técnicas já utilizadas. Dissertação de Mestrado. Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: A demodicose canina (DC) é uma doença cutânea inflamatória parasitária, causada pela proliferação excessiva dos ácaros foliculares comensais do género Demodex. A demodicose localizada (DL) é uma forma benigna auto-limitante que não requer tratamento acaricida. Por outro lado, a demodicose generalizada (DG) pode ser grave e colocar a vida do paciente em risco. Geralmente a DC não é difícil de diagnosticar através dos métodos mais comuns (raspagens cutâneas profundas e/ou tricograma), no entanto, ainda são vários os casos que chegam às consultas de referência de dermatologia, quer por baixo índice de suspeita da doença, não se chegando a realizar a sua pesquisa, ou por falhas na realização dos métodos de diagnóstico. As raspagens profundas são o método de diagnóstico de eleição, embora este seja considerado traumatizante. O tricograma não apresenta esta desvantagem, porém, a sua sensibilidade é considerada mais baixa, variando desde 40 a 85% consoante os autores. Deste modo, seria útil encontrar um método de diagnóstico atraumático que mantivesse uma sensibilidade elevada. A sensibilidade do método da fita adesiva foi recentemente estudada, variando entre 75 a 100%, revelando-se assim um método interessante. O objectivo deste trabalho foi testar uma nova técnica para o diagnóstico de DC e sua monitorização após o início do tratamento, comparando-a ainda com os três métodos acima referidos. Em doze cães positivos para DC foram utilizadas as bandas Clear-up Strips dos laboratórios NIVEA® em duas zonas corporais, juntamente com a realização das outras três técnicas de diagnóstico em zonas adjacentes. Estas bandas são utilizadas para o cuidado do rosto humano com o objectivo de remover os pontos negros e limpar os poros em profundidade. Assim, foi colocada a hipótese de que se estas bandas removessem o conteúdo folicular de cães com demodicose, poderiam ser observados ácaros ao microscópio, permitindo deste modo o diagnóstico de DC. Este estudo comprovou esta hipótese, sendo o método das bandas NIVEA® a técnica atraumática que revelou uma maior sensibilidade no diagnóstico e na consulta de seguimento de DC, sendo apenas superada pelo método das raspagens profundas. Deste modo, conclui-se que este novo método estudado pode ser recomendado para o diagnóstico de DC, particularmente nos casos em que a realização das raspagens profundas é difícil ou dolorosa, como por exemplo nas zonas peri-oculares ou espaços interdigitais.
ABSTRACT - Study of a new atraumatic technique for Demodex canis diagnosis and its comparison with already used techniques - Canine demodicosis (CD) is an inflammatory parasitic skin disease, characterized by excessive proliferation of the commensal follicular mite of the genus Demodex. Localized demodicosis (LD) is a benign self-limiting disease that does not require acaricide treatment. On the other hand, generalized demodicosis (GD) can be a serious and potentially life-threatening disease. Usually, the diagnosis of CD is easily made by the most common methods (deep skin scrapings or trichograms), however, there are still some cases that end up in the referral dermatologists, either due to low index of suspicion of the disease and therefore mites are not looked up, or failures in performing the diagnosis methods correctly. Deep skin scrapings are the golden standard technique for Demodex diagnosis, although this is considered to be a traumatizing method. Trichograms do not have this disadvantage but their sensitivity is considered to be lower (40 to 85% depending on the authors). Thus, it would be useful to find out a non-traumatizing diagnosis method that maintained a high sensitivity. The acetate tape impression sensitivity has been recently studied. It ranged from 75 to 100% depending on the authors, looking very promising as a diagnostic method. With the same purpose, a new technique for diagnosing and monitoring CD was tested in this study and was also compared with these three methods above-mentioned. Clear-up Strips from NIVEA® laboratories were used in two body areas of twelve positive dogs for CD, along with the execution of the other diagnostic techniques in adjacent areas. These strips are a human face care product used to remove blackheads and cleanse the pores. It was hypothesized that if these strips were able to remove the follicular content of dogs with demodicosis, it could be possible to find mites on the microscope, thus allowing the CD diagnosis. Through this study, this hypothesis has been confirmed. The NIVEA® strips method was the non-traumatizing technique that revealed a greater sensitivity for the CD diagnosis as well as in the first CD follow-up, being only surpassed by deep skin scrapings. Thus, it can be concluded that this new method can be recommended for CD diagnosis, especially when deep skin scrapings are too difficult or painful to perform, as in peri-ocular areas or interdigital skin.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/7855
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.