Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/7471
Título: As arbitragens no futebol português : uma análise econométrica
Autor: Pires, Rui Manuel da Costa Vargas
Orientador: Costa, António da Ascensão
Palavras-chave: árbitros
econometria
favoritismo
futebol
referees
econometrics
favoritism
football
Data de Defesa: 2014
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Pires, Rui Manuel da Costa Vargas (2014). "As arbitragens no futebol português : uma análise econométrica". Dissertação de Mestrado, Universidade de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: A presente dissertação enquadra-se na temática da teoria da agência e tem por finalidade estudar uma das suas principais facetas o denominado "favoritismo". Em particular é testada a hipótese de os árbitros de futebol, na qualidade de agentes, tomarem decisões enviesadas que resultam no favorecimento sistemático das equipas que jogam em casa e das equipas grandes hipóteses do home team bias e do big team bias. É ainda analisada a hipótese de os eventuais enviesamentos nas decisões dos árbitros serem influenciados pelo público presente nos estádios hipótese da pressão social. Para tal são testados modelos econométricos que permitem explicar a incidência de sanções disciplinares (cartões amarelos e vermelhos) e o tempo de compensação dado pelo árbitro num jogo de futebol. São ainda utilizados testes t a diferenças entre médias e entre rácios para analisar o eventual enviesamento das arbitragens ao nível da incidência de grandes penalidades. A análise efetuada assenta em dados referentes a 5 épocas do principal campeonato profissional de futebol em Portugal.
This dissertation fits the theme of agency theory and is intended to study one of its main streams the so called "favoritism". Particularly, it tests the hypothesis that football referees, as agents, systematically make biased decisions in favor of the teams that play at home and in favor of the big teams the home team bias and big team bias hypothesis. Additionally, the hypothesis that those biased decisions are influenced by the crowd in the stadia is also tested the social pressure hypothesis. Econometric modeling of disciplinary sanctions (yellow and red cards) and of stoppage time awarded in a football match is used for testing the hypothesis mentioned above. Parametric t-tests of differences between means and between ratios are also used to assess for the possible officiating bias related to the decisions to award penalties. This analysis uses data from 5 seasons of the first tier of Portuguese professional football.
Descrição: Mestrado em Decisão Económica e Empresarial
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/7471
Aparece nas colecções:DM - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-RMCVP-2014.pdf811,62 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.