Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/6949
Título: Avaliação da influência da idade na coagulação : utilização da tromboelastometria no cão
Autor: Antunes, Virgínia
Orientador: Moreira, Anabela de Sousa Santos da Silva
Palavras-chave: Tromboelastometria
Coagulação
Inflamação
Idade
Cão
Thromboelastometry
Coagulation
Inflammation
Age
Dog
Data de Defesa: 23-Abr-2014
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Antunes, V. (2014). Avaliação da influência da idade na coagulação : utilização da tromboelastometria no cão. Dissertação de Mestrado. Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: A coagulação, fenómeno complexo, apresenta actualmente dois modelos: o modelo da cascata, utilizado sobretudo para entender os diferentes passos da coagulação e para os testes da coagulação clássicos, e o “cell-based model”, teoria mais recente na qual se reconhecem interacções entre as células e a preponderância da via intrínseca. A tromboelastometria, metodologia desenvolvida por Hartert, mede as interacções entre os factores da coagulação, os inibidores e componentes celulares durante as fases da coagulação e a lise. Ao contrário dos testes clássicos, a tromboelastometria fornece informações sobre a cinética da coagulação: tempo de coagulação, formação do coágulo, estabilidade e lise do coágulo sendo os resultados obtidos por esta técnica mais relevantes para o modelo “cell-based model”. Neste estudo, o ROTEM® (rotational thromboelastometry) foi utilizado para obtenção de valores de referência, de forma a estabelecer normas para avaliação dos estados hipo, normo ou hipercoaguláveis no cão. A comparação entre dois grupos de Beagles, um constituído por cães de jovens (entre 1 e 3 anos) e o outro por cães mais idosos (entre os 10 e 12 anos) teve por objectivo avaliar a influência da idade na coagulação. A idade e a inflamação estão relacionadas e ambas levam a alterações quantitativas de plaquetas, fibrinogénio e factores da coagulação circulantes. A correlação entre essas alterações e os parâmetros tromboelastométricos permite avaliar essas modificações. Os resultados obtidos (p<0,05) evidenciaram um estado hipercoagulável no grupo de Beagles mais idosos muito provavelmente devido as alterações associadas a idade.
ABSTRACT - Evaluation of the influence of age in coagulation: use of thromboelastometry in the dog - Coagulation, a complex phenomenon, present nowadays two models: the cascade model, mainly used to comprehend coagulation's different steps and for classic tests of coagulation and the cell-based model, the most recent theory with which one can distinguish interactions between cells and the preponderance of the intrinsic pathway. Thromboelastometry, invented by Hartert, measures the interactions between the coagulation's factors, the inhibitors and the cellular components during the coagulation's phases and the lysis. Contrary to classic tests, thromboelastometry provides data on the kinetics of coagulation : the time of coagulation, the formation of the clot, the stability and the lysis of the clot being, this technique closer to the cell-based model. In this study, the ROTEM® (rotational thromboelastometry) has been used to obtain reference values in order to establish standards for the evaluation of different states in dogs: hypercoagulation, hypocoagulation and normal coagulation. A group was composed of older dogs (between 10 and 12 years old) and the other was composed of young dogs (between 1 and 3 years old) in order to evaluate the influence of age in coagulation. Inflammation and age are linked, which cause changes in the thrombocyte’s quantity, the fibrinogen and the circulating factors of coagulation. The correlation between these changes and thromboelastometric parameters allows the assessment of these modifications. The obtained values (p<0.05) proved that there is a hypercoagulation state in the older Beagles, probably due to alterations caused by age.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/6949
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Avaliação da influência da idade na coagulação.pdf1,65 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.