Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/6762
Título: A influência dos factores demográficos e da performance na remuneração dos gestores no sector alimentar
Autor: Ferreira, Luís Miguel Assunção
Orientador: Lourenço, Sofia
Palavras-chave: Remuneração
Capital Humano
Performance
Sector Alimentar
Compensation
Human Capital
Food Industry
Data de Defesa: 2013
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Ferreira, Luís Miguel Assunção (2013). "A influência dos factores demográficos e da performance na remuneração dos gestores no sector alimentar". Dissertação de Mestrado. Universidade de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: Os sistemas de remunerações praticados pelas empresas não são uniformes e variam consoante diversos factores. O sector em que se insere, a sua dimensão e a sua performance são alguns dos factores relacionados com a própria empresa que são susceptiveis de gerar diferenças salariais (Lewellen & Huntsman, 1970; Rosen, 1990; Conyon & Leech, 1994). Contudo, as características dos gestores, como a idade, a antiguidade e a sua educação são variáveis demográficas que podem afectar a remuneração auferida pelo gestor (Huntsman, 1970; Harmon et al, 2000; Hartog, et al., 2001; Pereira & Martins, 2004; Mcknight & Tomkins, 2004; Budría & Moro-Egido, 2006; Brookman & Thistle, 2009; Stefani & Biderman, 2009). A remuneração dos gestores é um tema que tem merecido especial atenção por parte de investigadores, imprensa e reguladores (Nascimento 2009). Este estudo utiliza dados portugueses dos Quadros de Pessoal de 2009 referentes à indústria alimentar para identificar as características demográficas dos gestores que estão associadas ao seu nível de remuneração. De igual modo, é também testada a hipótese de as vendas (proxy para o desempenho da empresa) estar associada à remuneração do gestor. Do estudo realizado, é possível concluir que as variáveis – idade, antiguidade, educação e volume de vendas estão positivamente associadas ao nível de remuneração.
The compensation systems used by companies are not uniform and vary depending on several factors. These factors are related to the company itself which are liable to generate wage differences, like industry, size and performance (Lewellen & Huntsman, 1970; Rosen, 1990; Conyon & Leech, 1994). However, managers’ demographic characteristics of managers, such as age, tenure and education, are demographic variables that may also affect compensation (Huntsman, 1970; Harmon et al, 2000; Hartog, et al., 2001; Pereira & Martins, 2004; Mcknight & Tomkins, 2004; Budría & Moro-Egido, 2006; Brookman & Thistle, 2009; Stefani & Biderman, 2009). Executive compensation is a topic that has received special attention from researchers, media and regulators (Nascimento 2009). This study uses data from Portugal (Quadros de Pessoal), specifically from the food industry in 2009, to identify the demographic characteristics of managers which are associated with their level of compensation. Similarly, it is also tested the hypothesis that sales (a proxy for company performance) is associated with the manager's salary. The results show that the variables - age, tenure, education and sales are positively associated with the compensation level.
Descrição: Mestrado em Contabilidade, Fiscalidade e Finanças Empresariais
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/6762
Aparece nas colecções:BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
DG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-LMAF-2014.pdf955,3 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.