Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/6752
Título: Contribuição da ecografia para o diagnóstico diferencial de alterações com sede abdominal em cães e gatos
Autor: Baptista, Sara Filipa Fernandes
Orientador: Luís, José Paulo Pacheco Sales
Palavras-chave: Ecografia abdominal
Contribuição
Diagnóstico
Cães
Gatos
Abdominal ultrasound
Contribution
Diagnosis
Dogs
Cats
Data de Defesa: 17-Mar-2014
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Baptista, S.F.F. (2014). Contribuição da ecografia para o diagnóstico diferencial de alterações com sede abdominal em cães e gatos. Dissertação de Mestrado. Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: O exame ecográfico abdominal é considerado relativamente económico, seguro e bem tolerado pelos animais, embora lhe sejam conhecidas diversas limitações. Estão bem documentados os aspetos ecográficos esperados em diferentes situações patológicas, mas são poucos os estudos que procuram conhecer uma contribuição mais global deste exame. O presente estudo, estatístico correlacional, teve como principal finalidade conhecer globalmente o modo como o exame ecográfico transcutâneo de modo B e Doppler de cor contribuiu para o desenvolvimento de 217 casos clínicos de cães e gatos, partindo da avaliação de variáveis relacionadas com: o paciente, o motivo da ecografia, a suspeita clínica, os achados ecográficos e as recomendações imediatas a que o exame conduziu. Exceto nas situações em que os pacientes apenas apresentam dor, os resultados favorecem o recurso à ecografia. Foi alcançado um diagnóstico ecográfico (baseado em achados caracterizados como fortemente sugestivos) em 42,6% do conjunto de casos em que se procurou o esclarecimento de um quadro clínico. No entanto, confirmou-se que a sensibilidade da ecografia é tanto menor quanto mais específica é a informação que se pretende conhecer através deste exame, tendo sido identificada como principal limitação a incapacidade de distinção absoluta entre lesões neoplásicas e não neoplásicas. Os resultados sugerem ser pouco provável que a avaliação ecográfica abdominal seja completamente infrutífera e favorecem a sua utilização enquanto exame de controlo geriátrico para investigação de alterações subclínicas.
ABSTRACT - Contribution of ultrasound to the differential diagnosis of abdominal changes in dogs and cats - The abdominal ultrasound is considered relatively inexpensive, safe and well tolerated by the animal patients, although there are known several limitations. The sonographic aspects expected in different pathological situations are well documented, but there are few studies that seek to meet a broader contribution of this exam. The main purpose of this observational study was to determine the contribution of transcutaneous B-mode ultrasound and color Doppler examination to the development of 217 clinical cases of dogs and cats, based on the assessment of variables related to the patient, the purpose of the exam, the clinical suspicion, the ultrasonographic findings and the immediate recommendations that resulted from the exam. With the exception of situations where the animals only expressed pain, the results support the use of ultrasound. An echographic diagnosis (based on findings characterized as strongly suggestive) was achieved in 42,6% of all cases in which clarification of a clinical presentation was sought. However, it was confirmed that the ultrasound’s sensitivity diminishes as the intended result’s specificity increases. Furthermore, it was identified the inability to absolutely distinguish neoplastic from non-neoplastic lesions as the main ultrasound’s limitation. The results also suggest that it is unlikely that abdominal ultrasonographic evaluation is completely fruitless, and favor its use as a control examination in geriatric animal to investigate the presence of subclinical changes.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/6752
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.