Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/6746
Título: Utilização do repiso de tomate na alimentação do leitão : digestibilidade, atividade fermentativa e morfologia da mucosa intestinal
Autor: Alves, Patrícia Alexandra Gaspar
Orientador: Freire, João Pedro Bengala
Pinho, Mário António Pereira Silva Soares de
Palavras-chave: Leitão
repiso de tomate
performances zootécnicas
digestibilidade
atividade fermentativa
mucosa intestinal
piglets
tomato pomace
growth performance
digestibility
microbial enzymatic activity
intestinal mucosa
Data de Defesa: 21-Fev-2014
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária. Instituto Superior de Agronomia
Citação: ALVES, P. A. G. (2014). Utilização do repiso de tomate na alimentação do leitão : digestibilidade, atividade fermentativa e morfologia da mucosa intestinal. Dissertação de Mestrado.Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Instituto Superior de Agronomia, Lisboa.
Resumo: Com o objetivo de estudar o efeito da introdução do repiso de tomate (RT) e a natureza da gordura na dieta, no crescimento e na funcionalidade digestiva dos leitões, foi realizado um ensaio com 40 animais com cerca de 6 semanas. Aos leitões foram distribuídos quatro regimes: R1 (sêmea de trigo e óleo de soja), R2 (RT e óleo de soja), R3 (sêmea de trigo e banha) e R4 (RT e banha) durante 5 semanas. O peso médio inicial dos leitões foi de 12,79 (±0,99) kg e o final foi em média de 38,6 (±3,24) kg. A ingestão de alimento e a conversão alimentar não foram afetadas pelas dietas. Os regimes não afetaram a digestibilidade fecal aparente, o balanço azotado, o desenvolvimento dos órgãos do trato gastrointestinal e o peso dos seus conteúdos ao abate, a altura das vilosidades e profundidade das criptas da mucosa intestinal dos leitões. A utilização do RT reduziu o pH do conteúdo do estômago (P=0,0024). A utilização da banha aumentou a atividade pectinolítica no conteúdo do intestino delgado (P=0,0023). Ocorreu interação (P=0,0362) entre a fonte de fibra e de gordura na atividade xilanolítica nos conteúdos do intestino delgado.
ABSTRACT - In order to study the effect of the replacement of wheat bran by tomato pomace (TP) and two different sources of fat (soybean oil, lard) in piglets diet on the growth and digestive function, a trial was performed with 40 animals aged 6 weeks. The piglets were allocated into 4 experimental diets during 5 weeks:R1 (wheat bran and soybean oil), R2 (TP and soybean oil), R3 (wheat bran and lard) and R4 (TP and lard). The average initial weight of piglets was 12,79(± 0.99) kg and the final was on average 38,6( ± 3,24 )kg. Feed intake and feed conversion rate wasn’t affected by the different diets. Diets didn’t affect the apparent fecal digestibility, nitrogen balance, the development of gastrointestinal organs and the weight of its contents at slaughter, villus height and crypt depth of intestinal mucosa of piglets. In stomach, the use of TP reduced (P=0,0024) pH of its contents. Pectinolytic activity in small intestine increased with lard (P=0,0023).There was interaction (P=0,0362) between source of fiber and fat affecting xylanolytic activity in the contents of the small intestine, and it was found that the use of lard decreased it’s activity with wheat bran but increased with TP. Concluding, the inclusion of TP in piglet’s diet is well accepted.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Engenharia Zootécnica/Produção Animal
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/6746
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado
DPASA - Teses de Mestrado



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.