Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/6745
Título: Infecção do tracto urinário em felinos com doença renal crónica
Autor: Peixoto, Joana Amil
Orientador: Pomba, Maria Constança Matias Ferreira
Reisinho, Ana Teresa Severino Caldeira
Palavras-chave: Doença renal crónica
Infecção do tracto urinário
IRIS
Estadiamento
Felino
Chronic kidney disease
Urinary tract infection
staging
feline
Data de Defesa: 13-Mar-2014
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Peixoto, J.A. (2014). Infecção do tracto urinário em felinos com doença renal crónica. Dissertação de Mestrado. Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: Doença Renal Crónica (DRC) é um processo progressivo e irreversível, o qual afecta sobretudo animais de idade avançada. A prevalência desta doença tem sido tendencialmente crescente nas últimas décadas e é uma das causas de morte mais comuns por doença crónica no gato doméstico. A Sociedade Internacional de Interesse Renal (IRIS) propôs um sistema de estadiamento para a classificação da doença renal de acordo com os níveis plasmáticos de creatinina, de forma a facilitar a aplicação de orientações clínicas adequadas em termos de diagnóstico, tratamento e prognóstico. A Infecção do Tracto Urinário (ITU) é relativamente rara em gatos e desenvolve-se quando as defesas do hospedeiro permitem a aderência, multiplicação e persistência de microorganismos no tracto urinário. Sabe-se que a ITU em gatos surge muitas vezes associada a outras doenças como o hipertiroidismo, diabetes mellitus e DRC. Os animais afectados podem ou não demonstrar sinais clínicos associados à infecção. Neste trabalho foi avaliada a presença de ITU em gatos com DRC. Dos 20 animais que fizeram parte da amostra populacional, 3 foram positivos a ITU. Em termos percentuais, isto significa uma frequência de 15% de ITU nos doentes renais crónicos da amostra. Os gatos desta amostra apresentavam idades compreendidas entre os 7 e os 17 anos, sendo que 50% eram fêmeas e os outros 50%, machos. Os doentes foram classificados de acordo com o grau de disfunção renal com base no sistema de estadiamento proposto pela IRIS. A maioria dos animais (70%) foi incluída no estadio III, seguindo-se o estadio IV com 25% dos casos e o estadio II com apenas 5% dos animais. Foi realizado o sub-estadiamento em relação à pressão arterial, no qual foi possível observar hipertensão em 50% dos pacientes, no entanto nenhum dos felinos apresentava evidências de lesões/complicações nos órgãos-alvo. Em relação às ITU identificadas, suspeitou-se de pielonefrite nos 3 casos. Devido à falta de resultados de outros exames complementares de diagnóstico (punção aspirativa por agulha fina (PAAF) do tecido renal/cavidade piélica e cultura bacteriana a partir da amostra recolhida), os quais poderiam confirmar a presença de pielonefrite, o diagnóstico foi feito de forma presuntiva. Os sinais clínicos só estavam presentes num dos três casos positivos. A espécie bacteriana predominante foi Escherichia coli, isolada em todos os casos, seguida de Enterococcus spp.. Em 2 dos 3 casos foi isolada apenas uma espécie bacteriana, tendo sido no restante caso identificada uma cultura mista (composta por E. colie Enterococcus spp., com contagens superiores a 105 UFC/ml). 66,7% dos isolados foram sensíveis à associação amoxicilina/ácido-clavulânico. Não parece ter existido influência da presença de ITU na diminuição do tempo de sobrevida dos doentes infectados.
ABSTRACT - UrinaryTract Infections in cats with Chronic Kidney Disease - Chronic Kidney Disease (CKD) is a progressive and irreversible process, which primarily affects animals of advanced age. The prevalence of this disease has been increasing in the recent decades, and is one of the most common causes of death by chronic disease in the domestic cat. The International Renal Interest Society (IRIS) proposed a staging system for classification of renal disease according to serum creatinine concentration, in order to facilitate the application of appropriate clinical guidelines for diagnosis, treatment and prognosis. Urinary Tract Infection (UTI) is relatively rare in cats and develops when host defenses allow adherence, multiplication and persistence of microorganisms in the urinary tract. It is known that the UTI is one of the common complications arising in cats associated with diseases such as hyperthyroidism, diabetes mellitus and CKD. Affected animals may or may not demonstrate clinical signs associated with the infection. In this study, we evaluated the presence of UTI in cats with CKD. From the 20 animals that were part of the population sample, 3 had UTI. In percentage terms, this means a frequency of 15%. Cats of this sample were between 7 and 17 years old, 50% were female and 50% were male. The patients were classified according to the degree of renal dysfunction based on the staging system proposed by IRIS. Most animals (70%) were included in stage III, followed by 25% in stage IV and finally stage II with only 5% of the animals. Substaging of the populationaccording to blood pressure, revealed hypertension in 50% of patients. However, none of the cats had evidence of injury / complications in target organs. Regarding the UTI, pyelonephritis was suspected in all the 3 positivecases. Due to the lack of results from other diagnostic exams (fine needle aspiration (FNA) of renal tissue / renal pelvis and bacterial culture from the collected sample), which could confirm the presence of pyelonephritis, a presumptive diagnosis was done. Clinical signs were present in only one of the three positive cases. The predominant isolated bacterial species was Escherichia coli, isolated in all cases, followed by Enterococcus spp. (with counts exceeding 105 CFU / ml). In two of the three positive cases we had a single microbial isolate on culture. The other one was polymicrobial, a mixed culture with E. coli and Enterococcus spp..66.7% of the isolates were susceptible to the combination of amoxicillin / clavulanic acid. The presence of UTI seems to have no influence in decreasing survival time of chronic kidney feline patients.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/6745
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Infecção do Tracto Urinário em Felinos com Doença Renal Crónica.pdf1,44 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.