Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/6665
Título: O construir no construído na cidade de Odivelas. A influência do espaço arquitectónico nas relações sociais no Bairro da Arroja Velha.
Autor: Paulo, Tânia Isabel de Almeida
Orientador: Rodrigues, Pedro Jorge Dias Pimenta
Palavras-chave: Espaço público
Identidade
Área urbana de Génese ilegal
Centro comunitário
Bairro da Ajuda Velha
Public space
Identity
Illegal Housing
Community centre
Neighbourhood of Arroja Velha
Data de Defesa: Jul-2013
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Arquitetura.
Citação: PAULO, Tânia Isabel de Almeida - O construir no construído na cidade de Odivelas. A influência do espaço arquitectónico nas relações sociais no Bairro da Arroja Velha. - Lisboa : FA, 2013. Tese de Mestrado.
Resumo: A presente dissertação tem como principal objetivo aprofundar o conhecimento do fenómeno da construção clandestina, sobre as denominadas Áreas Urbanas de Génese Ilegal (AUGI), através do estudo de uma realidade concreta, o Bairro da Arroja Velha, situado no concelho de Odivelas. Pretende-se elaborar uma proposta de intervenção urbana e arquitetónica eficaz e adequada ao quadro de vida que carateriza este bairro, capaz de conciliar objetivos, tais como a promoção da coesão social, o fomento das sociabilidades e a criação de um espírito de bairro. Pretende-se ainda discutir a responsabilidade social que a arquitetura deve assumir e, neste sentido, compreendê-la, através da análise de uma situação particular e reflexão sobre a mesma. Assim sendo, e focalizando a nossa atenção no espaço público e suas vivências, pretendeu-se perceber de que modo se traduz a relação entre sociedade (e cultura) e o espaço construído no Bairro da Arroja Velha. A partir do diagnóstico feito a este bairro, foi possível concluir que, por integrar o universo dos espaços gerados através de fenómenos de loteamento e construção ilegais, este evidencia uma grande carência de espaço público qualificado e encontra-se profundamente desarticulado face à envolvente urbana. De forma a inverter esta situação, estudou-se a possibilidade de implementar um equipamento de utilização coletiva, concretamente, um centro comunitário, e procurou-se perceber qual seria a sua recetividade por parte dos residentes, através da realização de inquéritos por questionário, a uma amostra (não probabilística e intencional) da população deste bairro. Na sequência da análise dos resultados, que revelaram um elevado interesse na inserção de um centro comunitário neste bairro, propôs-se ainda que a intervenção se estenda a outras áreas. Deste modo, a proposta envolve a inclusão de hortas em contexto urbano, bem como o incentivo às atividades artesanais e à promoção dos serviços de proximidade por parte da população residente, partindo-se do suposto que estas atividades podem contribuir para o reforço da coesão social e para a criação de uma microeconomia capaz de revitalizar, a partir também da intervenção em pequena escala, o Bairro da Arroja Velha.
ABSTRACT: The present project’s Final Report addresses the problematic of illegal housing by means of a study case, the Neighbourhood of Arroja Velha, located in Odivelas. In this investigation the study of illegal housing was carried out leading to the development of an urban and architectural intervention that promotes social cohesion, sociabilities and a neighbourly spirit. It’s also relevant to consider and understand the social responsibility that architecture must have in this particular case. To this end, it is necessary to thoroughly analyse this case study in Odivelas and also to reflect on the theme of public space and on the social relations it can encourage. With this in mind, we will try to understand if there is a connection between culture and architecture in the Neighbourhood of Arroja Velha. The Neighbourhood of Arroja Velha integrates the universe of illegal housing and therefore has a lack of qualified public space and is deeply disarticulated from its surrounding urban environment. In order to invert this situation, we propose the introduction of a Community Centre in the neighbourhood. To this end, a survey was carried out aiming to access the acceptance, by the neighbourhood residents, of this proposed public space. After analysing the results of the survey, in which the population revealed interest on the Arroja Community Centre, the inclusion of urban gardens is also proposed, along with the promotion of local handicraft production as well as the introduction of small proximity services provided by the residents themselves. These strategies are expected to have a positive impact in terms of social cohesion and of small-scale economy, revitalizing the Neighbourhood of Arroja Velha from an inside perspective.
Descrição: Dissertação para obtenção do grau de Mestre em Arquitetura.
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/6665
Aparece nas colecções:DPAUD - Tese de Mestrado / Master Thesis
BFA - Teses de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
PFM Tânia Paulo.pdf2,95 MBAdobe PDFVer/Abrir
Anexos .pdf216,25 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.