Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/6498
Título: Convergência multimédia e os conteúdos móveis da rádio
Autor: Paulo, Nádia Alexandra Lopes
Orientador: Cordeiro, Paula
Palavras-chave: Rádio
Convergência
Aplicações móveis
Cross-media consumption
e-ouvintes
Web
Radio
Convergence
Mobile applications
Cross-media consumption
e-listeners
Web
Data de Defesa: 16-Set-2013
Editora: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas
Resumo: A Internet criou novas oportunidades para a rádio, que conseguiu manter e ampliar a relação de proximidade com os seus ouvintes. Recentemente, as inovações na eletrónica, telecomunicações e computadores lançaram um novo desafio para a rádio, no sentido da sua adaptação a um novo contexto de consumo mediático, utilizando o potencial da Web, criando aplicações móveis que apresentam um conjunto de novas opções de escuta e interação aos seus utilizadores e ouvintes móveis. Ao longo deste trabalho iremos ilustrar de que forma a convergência multimédia, as alterações nos padrões de consumo e a emergência de aplicações móveis contribuiram para a alteração do conceito de rádio. Realizámos, ainda, o estudo de dois casos no panorama nacional, analisando as características das aplicações móveis das duas estações de rádio de maior audiência em Portugal. Concluímos que as potencialidades enunciadas na revisão de literatura são, de um modo geral, asseguradas pelas duas estações de rádio. Não podemos, no entanto, esquecer que a interatividade e o incentivo à participação deve ser reforçada, face ao potencial da Web e, especialmente, do acesso móvel. Congregando todas estas alterações, recuperamos o conceito de Cordeiro (2011) que demonstra de uma forma simples o que pode ser a rádio do futuro, ou antes, a “r@dio”: uma plataforma com base na nuvem, com o rádio cognitivo como mecanismo. Usando a tecnologia, as estações de rádio poderão alcançar inúmeros benefícios, reformulando o papel dos ouvintes e dos produtores, num novo conceito de comunicação.
The Internet created new challenges for radio that managed to maintain and expand the close relationship with its listeners. Recently, innovations in electronics, telecommunications and computing challenged radio to adapt to a new context of media consumption, using Web’s potential, to build mobile applications that give a range of new listening and interaction options to its users and mobile listeners. Throughout this paper, we will illustrate how multimedia convergence, changes in consumption patterns and the emergence of mobile applications contributed to the changes in radio concept. We also performed the study of two cases, analyzing the online presence and mobile applications of the two radio stations with more audience in Portugal: Rádio Comercial and RFM. We conclude that the potentials enunciated in the literature review are, in general, ensured by the two radio stations. However, we can not forget that interactivity and participation should be encouraged, facing Web’s potential and, mainly, mobile access’ potential. Bringing all these changes together, we recover Cordeiro’s (2011) concept that demonstrates in a simple way what could be the future radio, or rather, "r@dio": a cloud-based platform with the cognitive radio as a mechanism. Using technology, radio stations will reach innumerous benefits, reshaping listeners and producers’ role, in a new communication concept.
Descrição: Tese de Mestrado em Comunicação Social
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/6498
Aparece nas colecções:BISCSP – Teses de mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Convergência Multimédia e os Conteúdo Móveis da Rádio.pdf3,04 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.