Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/6220
Título: Osteoartrites em equinos
Autor: Rocha, Francisco José Martins
Orientador: Prazeres, José
Luís, José Paulo Sales
Palavras-chave: Cavalo
Articulação
Osteoartrite
horse
joint
osteoarthritis
Data de Defesa: 23-Jul-2008
Editora: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Rocha, F.J.M. (2008). Osteoartrites em equinos. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: A Osteoartrite (OA) é a principal causa de claudicação no cavalo de desporto e lazer, sendo uma afecção que tem grandes repercussões económicas. Este trabalho descreve algumas das características importantes da estrutura articular, bem como da sua fisiologia. Define a OA e todas as estruturas envolvidas no seu processo. Os mecanismos fisiopatológicos põem em evidência os factores de risco em causa e que determinam todo o processo de degradação articular. São descritos os vários meios de diagnóstico utilizados, quer os convencionais, quer as recentes técnicas imagiológicas (ressonância magnética, tomografia computadorizada e cintigrafia nuclear) quer ainda os biomarcadores do metabolismo da cartilagem articular e osso. A abordagem terapêutica é diversa incluindo os anti-inflamatórios não esteróides, os corticosteróides, os glicosaminoglicanos polisulfatados, o hialuronato de sódio, o pentosan polisulfato e o ácido tiludrónico, com o objectivo de travar a progressão da doença articular. Também são abordadas novas formas alternativas de tratamento da OA, como a terapia por meio de ondas de choque, a utilização de células estaminais mesenquimatosas e a terapia genética. Este trabalho é complementado pela descrição de dois casos clínicos, onde são abordados o diagnóstico e respectivo tratamento.
ABSTRACT - The Osteoarthritis (OA) is the main cause of lameness in the sport and leisure horse, being an affection with great economic evolvement. This work describes the main characteristics of the joint structure, as well as its physiology. It defines the OA and all the involved structures in its process. It’s physiopathology puts in evidence all the risk factors and all the process of joint degradation associated. Diagnosis methods are mentioned, not only the conventional ones, but also the recent imaging techniques (magnetic resonance imaging, computed tomography and nuclear scintigraphy) and the use of the bone and cartilage biomarkers. Diverse types of treatment are used, as it is the case of non-steroidal anti-inflammatory, corticosteroids, polysulfated glycosaminoglycan, hyaluronan, pentosan polysulfate and acid tiludronic, drugs, achieving to decrease the progression of the joint disease. Also new forms of treatment of the OA are referred as the therapy using shock waves, mesenchymal stem cells and the gene therapy. Two clinical cases are described, where the diagnosis and treatment are boarded.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/6220
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
FranciscoRochaJul08.pdf786,62 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.