Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/6215
Título: Avaliação das consequências da introdução de um sistema de postdipping e backflush automatizado em duas salas de ordenha
Autor: Cabaço, Sara Luísa Palma
Orientador: Bexiga, José Ricardo Dias
Palavras-chave: Ordenha
postdipping
backflush
mastite
milking
mastitis
Data de Defesa: 12-Nov-2013
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Cabaço, S.L.P. (2013). Avaliação das consequências da introdução de um sistema de postdipping e backflush automatizado em duas salas de ordenha. Dissertação de Mestrado. Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: A automatização de algumas ações da rotina de ordenha pode poupar tempo e diminuir os efeitos negativos do fator humano. Porém, há que comparar os resultados com a metodologia convencional. Neste estudo pretendeu-se avaliar o impacto de um sistema de postdipping e backflush de lavagem de tetinas automatizado (ADF milking®) em duas explorações leiteiras. Foram comparados, antes e depois da instalação: contagem de células somáticas totais (CCST), taxa de novas infeções (TNI), cobertura dos tetos pelo desinfetante (CT), contagem de microrganismos totais na superfície interior das tetinas (CMT), tempo de ordenha (TO) e teor de desinfetante no leite (iodo). Obteve-se uma diminuição média da CCST na ordem dos 20% para ambas as explorações (P<0,001). As alterações da TNI não foram estatisticamente significativas. A CT variou entre os dois modos de aplicação (P<0,001). A CMT sofreu uma grande redução com a utilização do backflush (P<0,001). Registou-se uma redução do TO em todas as equipas, desde 2% até 16%. O teor de iodo no leite aumentou ficando porém, longe do limite máximo recomendado. A conversão para o sistema de ordenha estudado trouxe alguns benefícios, embora não todos os esperados.
ABSTRACT - Consequences of the use of an automated postdipping and backflush system on two farms - The automation of some milking routine procedures can save time and reduce some pitfalls of the human factor. However, results need to be compared with the conventional methods. The objective of this study was to evaluate the effects, on two dairy farms, of converting to an automated postdipping and backflush combination (ADF milking®). The parameters evaluated included total somatic cell count (CCST), new intramammary infection rate (TNI), degree of teat cover by the teat disinfectant (CT), microbial count on the inner surface of teat liners (CMT), duration of milking (TO), and disinfectant (iodine) concentration on the bulk tank milk, comparing results before and after the installation. There was a mean reduction of CCST around 20% in both farms (P<0,001). Changes in TNI were not statistically significant. In CT, there were variations between the two application methods (P<0,001). The CMT using the backflush was much smaller than not using (P<0,001). The TO decreased in all cases, between 2 and 16%. Iodine concentration on bulk tank milk increased in both farms but always far below the maximum level recommended. The conversion to this system led to some benefits but not all the expected ones.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/6215
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.