Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/6098
Título: Avaliação da expressão de Cox-2 em tumores mamários da gata por imunohistoquímica : correlação com aspetos clinicopatológicos, classificação histopatológica e possíveis implicações clínicas
Autor: Cunha, Daniela Erica de Horta e Goes Ribeiro da
Orientador: Ferreira, Fernando António da Costa
Peleteiro, Maria da Conceição da Cunha e Vasconcelos
Palavras-chave: Gata
tumores mamários
Cox-2
imunohistoquímica
fármacos anti-Cox-2
queen
mammary tumours
immunohistochemistry
anti-Cox-2 drugs
Data de Defesa: 29-Jul-2013
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Cunha, D.E.H.G.R. (2013). Avaliação da expressão de Cox-2 em tumores mamários da gata por imunohistoquímica : correlação com aspetos clinicopatológicos, classificação histopatológica e possíveis implicações clínicas. Dissertação de Mestrado. Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: A cicloxigenase-2 (Cox-2) é uma enzima que desempenha um papel importante na tumorigénese e encontrando-se sobrexpressa em várias neoplasias humanas, incluindo o cancro da mama. Em medicina veterinária, alguns trabalhos mostram existir uma sobrexpressão da Cox-2 em certas neoplasias da espécie felina, incluindo nos tumores mamários, estando esta associada a pior prognóstico. Tendo em conta estas evidências, a utilização de fármacos anti-Cox-2 como agentes terapêuticos nas neoplasias mamárias é uma hipótese que poderá trazer benefícios importantes. A utilização destes fármacos poderá assumir particular interesse no caso da gata, devido à elevada frequência de tumores mamários nesta espécie e ao seu prognóstico pouco favorável. Desta forma, para além de poder funcionar como alvo terapêutico, a Cox-2 poderá também ser um bom indicador de prognóstico. Neste trabalho pretendeu-se analisar os níveis de expressão da Cox-2, de modo a melhor equacionar a sua importância como futuro alvo terapêutico. Assim, procedeu-se à avaliação dos níveis desta enzima numa amostra de 21 carcinomas mamários felinos de diversos tipos histológicos e graus de malignidade, pela técnica de imunohistoquímica (IHQ), recorrendo ao uso de dois anticorpos anti-Cox-2 distintos. Foi ainda analisada a correlação dos níveis de expressão desta enzima com diversos parâmetros clinicopatológicos e imunohistoquímicos. Com o Clone 33, todas as neoplasias estudadas revelaram expressão de COX-2, apesar de apenas um tumor ter sido classificado de positivo, tendo mostrado um padrão de imunomarcação perinuclear e citoplasmático. Pelo contrário, com o Clone SP21 a maioria dos tumores (20/21) foram considerados positivos, apresentando um padrão predominantemente membranar, mas também marcação citoplasmática e perinuclear. Este padrão citoplasmático e perinuclear foi observado nos mesmos tumores, em ambos os anticorpos. Verificou-se ainda a existencia de uma correlação entre os níveis de marcação da Cox-2 (Clone SP21) e a classificação histológica segundo a OMS. Ainda que mais investigação seja necessária, é possível concluir que o padrão de marcação da Cox-2, associado à classificação histológica poderá ter um papel na identificação de pacientes que irão beneficiar da utilização terapêutica de fármacos anti-Cox-2.
ABSTRACT - Immunohistochemical Evaluation of Cox-2 Expression in Feline Mammary Tumours – Correlation with Clinicopathological Features, Histologic Type and Possible Clinical Implications - Cyclooxygenase-2 (COX-2) is an enzyme that plays an important role in tumorigenesis and is overexpressed in several types of human neoplasia, including breast cancer. In veterinary medicine, some studies show that Cox-2 is overexpressed in several tumours of the cat, including mammary tumours. This overexpression is associated with poor prognosis. All this facts lead to the conclusion that the use of anti-Cox-2 drugs in mammary tumours may yield important benefits. The use of such drugs in the queen is especially attractive since this type of neoplasia is highly frequent and also because of its less favourable prognosis. Cox-2 expression may also be a good prognostic indicator. In the present study the goal was to evaluate Cox-2 expression levels in order to explore its importance as a future therapeutic target. The expression of COX-2 was analysed in 21 tumour samples that included several histological types and grades, by immunohistochemistry (IHQ), using two different anti-Cox-2 antibodies. The correlation between Cox-2 expression and several clinicopathological and immunohistochemical parameters was also investigated. With Clone 33 all samples revealed Cox-2 expression, even though only one tumour was classified as positive, showing perinuclear and cytoplasmic labelling. Conversely, with Clone SP21 most tumours (20/21) were positive, showing mainly membrane labelling but also perinuclear and cytoplasmic staining. The cytoplasmic and perinuclear pattern was constant in the same tumours with both antibodies. A statistically significant correlation between Cox-2 expression levels and histological type according to the WHO classification was also found. Although, more investigation is necessary, it is possible to conclude that immunolabelling pattern associated with the histological classification may play an important role in selecting the patients that can benefit from the therapeutic use of anti-Cox-2 drugs.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/6098
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Avaliação da Expressão de Cox-2 em Tumores Mamários da Gata por Imunohistoquímica.pdf1,63 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.