Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/5976
Título: Estudo do comportamento postural em doentes com doença de Parkinson : caracterização e análise segundo metodologias tradicionais e não lineares.
Autor: Godinho, Catarina Afonso
Orientador: Melo, Filipe Manuel Soares de
Sena, Véronique Claire-Marie Ferret Nunes Harrington
Palavras-chave: Centro de gravidade
Centro de pressão
Comportamento postural
Controlo motor
Doença Parkinson
Instabilidade postural
Metodologias não lineares
Metodologias tradicionais
Séries temporais
Data de Defesa: 2013
Citação: Godinho, Catarina (2013) - Estudo do comportamento postural em doentes com doença de Parkinson : caracterização e análise segundo metodologias tradicionais e não lineares. Tese de Doutoramento. Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Motricidade Humana
Resumo: Este trabalho analisa o comportamento postural de doentes com Doença de Parkinson (DP) centrando-se essencialmente na avaliação e análise do comportamento do centro de pressão (CP) e do centro de gravidade (CG). Foi utilizada a Posturografia Dinâmica Computorizada e métodos de análise tradicionais (lineares) e não lineares. O objetivo deste estudo foi fornecer informação que possibilitasse uma maior sustentabilidade clínica e científica relativamente à dinâmica de controlo motor destes doentes. A análise compreendeu: a) a caracterização quantitativa do comportamento postural dos doentes com DP, através de métodos tradicionais, nas diferentes fases de evolução da doença (segundo a escala de Hoehn & Yahr - H&Y); b) a caracterização do comportamento postural destes doentes segundo uma metodologia de análise não linear; c) a quantificação da instabilidade postural e do risco de quedas destes doentes com base nos resultados de escalas clínicas (Pulltest) e de variáveis posturográficas. Os resultados permitem concluir que é possível identificar diferenças entre os estadios de severidade da doença, com base numa abordagem quantitativa definida por variáveis associadas ao controlo postural. Em geral, as dimensões independentes que permitem discriminar os estadios da escala de H&Y também permitem discriminar os grupos definidos pelo nível de instabilidade postural (Pulltest).
Descrição: Doutoramento em Motricidade Humana na especialidade de Ciências da Motricidade
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/5976
Aparece nas colecções:BFMH - Teses de Doutoramento / Ph.D.Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Estudo do Comportamento Postural em doentes com Doença de Parkinson.pdfDocumento principal7,96 MBAdobe PDFVer/Abrir
Na tese a seguir à folha de anexo 3.pdfAnexo 12,06 MBAdobe PDFVer/Abrir
Na tese a seguir à folha de anexo 4.pdfAnexo 21,99 MBAdobe PDFVer/Abrir
Na tese a seguir à folha de anexo 7.pdfAnexo 313,51 kBAdobe PDFVer/Abrir
QUADRO duplo_maio.pdfAnexo 487,23 kBAdobe PDFVer/Abrir
UPDRS II_ pulltest.pdfAnexo 5176,75 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.