Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/5975
Título: Dançar as vicissitudes de uma nação. Tradição e contemporaneidade na Companhia Nacional de Canto e Dança de Moçambique : transacções criativas e debates identitários em Gold, de Rui Lopes Graça
Autor: Soromenho, Sofia
Orientador: Roubaud, Maria Luísa da Silva Galvez
Palavras-chave: Companhia Nacional de Canto e Dança de Moçambique
Dança contemporânea
Dança tradicional
Globalização
Identidade
Interculturalidade
Nacionalismo
Data de Defesa: 2013
Citação: Soromenho, Sofia (2013) - Dançar as vicissitudes de uma nação. Tradição e contemporaneidade na Companhia Nacional de Canto e Dança de Moçambique : transacções criativas e debates identitários em Gold, de Rui Lopes Graça. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Motricidade Humana.
Resumo: Analisamos a criação de Gold (Maputo, 2011), do coreógrafo português Rui Lopes Graça, para a Companhia Nacional de Canto e Dança de Moçambique (CNCD), instituída em 1979, na pós-independência do país (1975). Durante um trabalho de campo em Moçambique, filmámos ensaios e outras actividades da companhia, entrevistámos e convivemos com os participantes do projecto. Desta experiência nasceram as questões da investigação. Que ‘moçambicanidade’ incorpora, e reflecte, o quotidiano da CNCD? Fundada no esteio duma nação recém-formada no desígnio de recuperar uma ideia de “cultura pré-colonial”, preservá-la e divulgá-la, como responderia à ocidentalidade contemporânea das metodologias do coreógrafo português? Que embates identitários transpareceram deste diálogo? Utilizámos uma metodologia qualitativa: registos de campo e análise das entrevistas aos bailarinos e à Direcção da CNCD deram-nos a sua voz acerca do país, do momento cultural, das vivências na Companhia e da criação da peça; analisámos os testemunhos de Lopes Graça e do músico João Lucas, responsáveis pelo projecto. A partir destas percepções construímos uma grounded theory: Gold suscitou na CNCD confrontos e perspectivas acerca de novos paradigmas e devires estético-artísticos, a espelhar debates e ambivalências da sua contemporaneidade; tensões entre tradição e globalização, uma realidade intercultural indiciadora das negociações e vicissitudes subjacentes a dinâmicas identitárias do Moçambique actual.
Descrição: Mestrado em Performance Artística / Dança
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/5975
Aparece nas colecções:BFMH - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese_dançar_as_vicissitudes_da_nação_sofia_soromenho.pdf2,84 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.