Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/5495
Título: O impacto do peso no autoconceito de jovens com excesso de peso e obesidade.
Autor: Carreiras, Marlene Sofia Coelho
Orientador: Quitério, Ana Luísa Dias
Palavras-chave: Actividade física
Autoconceito
Autoestima
Educação para a saúde
Índice de massa corporal
Obesidade pediátrica
Data de Defesa: 2013
Citação: Carreiras, Marlene (2013) - O impacto do peso no autoconceito de jovens com excesso de peso e obesidade. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Motricidade Humana.
Resumo: Abordou-se a questão dos aspectos psicológicos relacionados com o autoconceito em jovens com excesso de peso e obesidade. Avaliou-se o IMC, o autoconceito, a autoestima e o índice de atividade física numa amostra de jovens com idades entre os 12 e os 18 anos (n=106), através da Escala de Autoconceito para Adolescentes (Harter, 1988) e o Questionário de Atividade Física (Mota et al, 2002). As raparigas apresentaram valores significativamente inferiores na perceção de competência atlética (média ± dp: 2,8 ± 0,7 vrs 2,3 ± 0,7, respetivamente para rapazes e raparigas: p=0,00) e na importância atribuída a este domínio (média ± dp: 3,2 ± 0,8 vrs 2,6 ± 0,7, respetivamente para rapazes e raparigas: p=0,00), mas não nos restantes domínios do autoconceito e na autoestima global. Relativamente à prática de AF, constatou-se que os jovens da amostra possuíam um índice de intensidade moderada (12,7 ± 3,8), sendo que as raparigas apresentaram valores significativamente inferiores (média ± dp: 13,7 ± 3,4 vrs 11,2 ± 3,9, respetivamente para rapazes e raparigas: p=0,00). Encontraram-se associações entre o IMC e as variáveis competência atlética e aparência física, atração romântica e importância atribuída à competência escolar. Os resultados indicam que o IMC influencia alguns domínios do autoconceito, embora não se tenham observado diferenças entre jovens com IMC distinto em nenhuma das variávies estudadas, corroborando algumas das evidências encontradas na literatura.
Descrição: Mestrado em Ciências da Educação, especialidade em Educação para a Saúde
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/5495
Aparece nas colecções:BFMH - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese_MCE_Marlene_2013.pdf428,75 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.