Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/5480
Título: O que determina as desigualdades salariais em Portugal?
Autor: Fernandes, Ana Filipa Martins
Orientador: Rodrigues, Carlos Farinha
Palavras-chave: desigualdade salarial
equações salariais
distribuição dos ganhos
wage inequality
wage equation
earnings distribution
Data de Defesa: Set-2012
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Fernandes, Ana Filipa Martins. 2012. "O que determina as desigualdades salariais em Portugal?". Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: A desigualdade da distribuição dos rendimentos provenientes do trabalho é uma das principais responsáveis pela desigualdade económica na sociedade actual. Tendo como base os Quadros de Pessoal referentes ao ano de 2009, este trabalho procura perceber qual o panorama português no que diz respeito à desigualdade salarial, efectuando três análises distintas. Após a caracterização da distribuição dos ganhos, da aplicação de uma metodologia de decomposição da desigualdade e da estimação de equações salariais foi possível concluir que Portugal é um país que apresenta uma distribuição dos rendimentos muito desigual, onde os 10% mais bem remunerados obtêm cerca de 30% dos ganhos totais enquanto metade dos trabalhadores recebem essa mesma fatia no seu conjunto; onde o nível de educação representa um factor com um impacto considerável nos salários e, ainda, onde variáveis como as Qualificações e as Profissões dos trabalhadores se revelam como as principais determinantes da desigualdade.
The unequal distribution of labor income is one of the most important causes of the economic inequality in the modern society. Based on Quadros de Pessoal of 2009, this paper aims to understand the Portuguese picture of wage inequality. After the characterization of the distribution of earnings, the application of a methodology of inequality decomposition and the estimation of wage equations, it is possible to conclude that in Portugal the 10% with the highest wages have about 30% of the global earnings, whereas half of the workers receive this same share, education level has a substantial impact on salaries and workers’ Qualifications and Occupations are the main determinants of wage inequality.
Descrição: Mestrado em Economia
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/5480
Aparece nas colecções:BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
DE - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-AFMF-2012.pdf801,25 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.