Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/5400
Título: Estudo dos efeitos de um Programa de Formação Parental nas variáveis de risco psicossocial de famílias com filhos em idade escolar
Autor: Nunes, Sónia Catarina Maria
Orientador: Melo, Ana Isabel Amaral Nascimento Rodrigues de
Palavras-chave: Famílias multidesafiadas
Formação parental
Parentalidade
Práticas parentais
Risco psicossocial
Data de Defesa: 2013
Citação: Nunes, Sónia Catarina Maria (2013) - Estudo dos efeitos de um Programa de Formação Parental nas variáveis de risco psicossocial de famílias com filhos em idade escolar. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Motricidade Humana.
Resumo: Na presente dissertação pretende-se fazer um estudo dos efeitos de um Programa de Formação Parental em famílias com filhos em idade escolar relativamente às variáveis de risco psicossocial. A amostra é constituída por 19 educadores pertencentes a famílias multidesafiadas, 10 do Grupo Experimental e 9 do Grupo de Espera aos quais foi solicitado o preenchimento de questionários no sentido de verificar se o risco psicossocial diminuiu após a aplicação do programa no Grupo Experimental quando comparado com o Grupo de Espera. Além disso, levantou-se ainda como hipótese se características como a idade, a situação de emprego, o estatuto socioeconómico, as habilitações literárias e ainda, o número de presenças nas sessões do programa teriam alguma relação de contingência com a forma como os pais e educadores responderam ao Adult-Adolescent Parenting Inventory (AAPI-2), sendo este um instrumento de avaliação da parentalidade e das atitudes educativas dos pais. Verificou-se que no Grupo Experimental o número de elementos de risco diminuiu nas subescalas da Empatia, Castigos Corporais e Autonomia, e que este se manteve na subescala das Regras Invertidas. Ao nível da subescala das Expectativas Inapropriadas o número de elementos de risco aumentou. Estes resultados são mais positivos do que os encontrados no Grupo de Espera, pois apesar de se ter verificado diminuição do número de elementos de risco nas subescalas da Empatia e Castigos Corporais, registou-se também um aumento deste número nas restantes subescalas. Relativamente às hipóteses em estudo verificou-se ainda que a idade, a situação de emprego, o estatuto socioeconómico, as habilitações literárias e o número de presenças nas sessões do programa não revelaram nenhuma relação de contingência com a forma como os pais e educadores responderam ao Adult-Adolescent Parenting Inventory. Em suma, o programa aplicado teve efeitos positivos nos comportamentos e práticas parentais diminuindo o risco psicossocial e a possibilidade de negligência e maus-tratos.
Descrição: Mestrado em Reabilitação Psicomotora
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/5400
Aparece nas colecções:BFMH - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DOCUMENTO DEFINITIVO TESE Sónia Nunes.pdf880,83 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.