Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/5226
Título: Modelos de negócio electrónico nas redes inteligentes de energia
Autor: Silva, Luís Miguel Brito da
Orientador: Reis, António Palma dos
Palavras-chave: Redes inteligentes de energia
modelos de negócio
comércio electrónico
framework de avaliação
Smart grids
business models
e-commerce
assessment framework
Data de Defesa: Set-2012
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Silva, Luís Miguel Brito da. 2012. "Modelos de negócio electrónico nas redes inteligentes de energia". Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: A indústria eléctrica encontra-se perante um conjunto importante de desafios dos quais se destacam a liberalização do mercado, a diversificação e descentralização das fontes de produção, a necessidade de aumentar a sua eficiência e consequente redução de emissão de gases de estufa. É hoje evidente que as actuais limitações da rede eléctrica impedem a resolução destes problemas e a resposta passa pela investigação a decorrer a nível das RIE (smart grids). Devido ao carácter ainda embrionário do conceito, com alguns pilotos a decorrer em locais específicos na UE e em Portugal, muito do trabalho científico que se encontra está centrado ainda na operacionalização do conceito e menos na definição de modelos de negócio a utilizar pela indústria. Este TFM vem colmatar esta lacuna tendo para esse efeito efectuado uma definição conceptual de 17 modelos de negócio de modo a aferir o nível de adequabilidade à sua aplicação nas RIE. De acordo com a avaliação realizada, os modelos com melhor classificação são: Certificador, Gestão de risco, Objectivo compra / venda, Leilão e Rede inteligente.
The electrical utilities are facing an important set of challenges among which are market liberalization, the diversification and decentralization of production sources, the need to increase its efficiency and the reduction of greenhouse gases emission. It is now clear that the limitations of the current grid prevent these problems from being solved and therefore the answer is on the ongoing investigation of smart grids. Due to the embryonic nature of the concept, with some pilots taking place in specific locations in the EU and Portugal, much of the scientific work is still focused on the operationalization of the concept and less on the definition of its business models. This TFM fills this gap and to that end made a conceptual definition of 17 business models in order to gauge its level of adequacy for application in the smart grids. According to the evaluation, the models better rated are: Certificador, Gestão de risco, Objectivo compra / venda, Leilão e Rede inteligente
Descrição: Mestrado em Gestão de Sistemas de Informação
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/5226
Aparece nas colecções:BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
DG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-LMBS-2012.pdf814,55 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.