Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/5143
Título: Iniciativas de Transição e Permacultura, como reestruturação e capacitação de comunidades em Portugal
Autor: Soares, Pedro David Almeida Rebelo
Orientador: Nevado, Pedro Picaluga
Palavras-chave: Iniciativas de Transição
Pico do Petróleo
Alterações climáticas
crises económicas
Permacultura
cultura pós-carbono
Estudo de Caso
Transition Initiatives
Peak of Oil
Climate Change
economic crisis
Permaculture
post-carbon culture
Case Study
Data de Defesa: Set-2012
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Soares, Pedro David Almeida Rebelo. 2012. "Iniciativas de Transição e Permacultura, como reestruturação e capacitação de comunidades em Portugal". Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: Este trabalho visa abordar o movimento de Iniciativas de Transição, analisando as suas motivações, baseadas fundamentalmente na insustentabilidade da forma como gerimos os nossos recursos, suscitando fenómenos como o Pico do Petróleo, Alterações Climáticas, crises económicas, etc., que nos obrigarão a pensar em alternativas. Estes problemas, embora globais fazem-se sentir a nível local, pelo que devem também poder ser resolvidos a esse nível. As Iniciativas de Transição assentam os seus princípios na Permacultura, sistema que procura gerir pessoas e recursos de forma totalmente sustentável, terão surgido no Reino Unido em 2005, chegando a Portugal por volta de 2009. Consistem em grupos de pessoas, que formam comunidades empenhadas em resolver os problemas das mesmas, de modo a criar uma cultura pós-carbono através de projectos de Transição. A metodologia utilizada foi a de Estudo de Caso, com recurso a três casos de Iniciativas nacionais, Telheiras, Faculdade de Ciências de Lisboa e Linda-a-Velha. Verifica-se que existe uma certa barreira cultural, motivada por uma fraca adesão por parte dos portugueses a causas cívicas, diminuta importância conferida ao poder local, falta de disponibilidade e também uma dificuldade em chegar às pessoas, nomeadamente as que ainda não estão sensibilizadas para estas questões. Porém, muitos dos obstáculos traduziram-se em oportunidades de melhoria destas Iniciativas, pelo que as expectativas são positivas quanto ao sucesso que estas possam vir a ter no futuro.
This work aims to point out the Transition Towns Movement, analyzing their motivations, mainly based on the unsustainability in the way we manage our resources, giving birth to concepts like the Oil Peak, Climate Changing, economic crisis, etc., which will force us to think on alternatives. These issues, although mainly of global impact, are also felt on a local scale, therefore they might also be solved locally. The Transition Towns Movement have their basis on the Permaculture principles, a system focused on the management of people and resources in a sustainable way, having born in the United Kingdom in 2005, arriving to Portugal around 2009. It consists on groups of people that form a community, committed on solving the issues related to it, in order to create a post-carbon culture through Transition projects. For this work I’ve used the Case Study methodology, focusing on three national initiatives, Telheiras, Lisbon Faculty of Sciences and Linda-a-Velha. The main conclusions that arrived from this work are that there is a strong cultural barrier, due to a low commitment by Portuguese people to social causes, low importance given to local voice and opinions, and also a difficulty in reaching people that are still not focused on these matters. Nevertheless, many obstacles have been transformed into opportunities to improve these Initiatives, having this in mind, expectations are positive about the success that these Initiatives might represent in the future.
Descrição: Mestrado em Gestão e Estratégia Industrial
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/5143
Aparece nas colecções:BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
DG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-PDARS-2012.pdf990,86 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.