Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/5141
Título: Potencialidaddes e limitações dos modelos de microssimulação
Autor: Sales, Maria do Céu
Orientador: Rodrigues, Carlos Farinha
Palavras-chave: Microssimulação
impostos
prestações sociais
EUROMOD
Data de Defesa: Set-2012
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Sales, Maria do Céu. 2012. "Potencialidaddes e limitações dos modelos de microssimulação". Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: Os modelos de microssimulação constituem ferramentas com potencialidades de simulação dos impactos da alteração de políticas, facilitando os processos de tomada de decisão pelos decisores políticos. No presente estudo pretende-se evidenciar as potencialidades e as limitações destes modelos em aplicações de política económica e social, em especial no que se refere a impostos e a prestações sociais. Para a realização deste trabalho utilizou-se um desenho de estudo descritivo onde se procura determinar as caraterísticas dos modelos de microssimulação, contribuindo assim para um melhor conhecimento destas ferramentas e, a partir daí, extrair conclusões que possam constituir problemas de investigação futura. Através deste estudo foi possível identificar que as principais potencialidades destes modelos se consubstanciam na flexibilidade da sua utilização e na capacidade de previsão segura relativamente a tomadas de decisão de políticas económicas em geral e de políticas públicas em especial, dada a rapidez da obtenção de resultados e da reduzida margem de erro dos mesmos, porque operam com amostras representativas das populações sendo que as suas principais limitações da maioria dos modelos residem na morosidade da construção dos modelos bem como da atualização dos mesmos e na necessidade de operarem com dados exaustivos, que padecem geralmente de problemas de desfasamento e comparabilidade longitudinal.
The micro-simulation models are with potential capacities of simulation the impacts in public policies changes, to facilitate the judgment process by the policy makers. The aim of this study is to display the potentials and limitations of these models in social and economic policies, especially regarding taxes and benefits. To carry out this study we have used a descriptive study design to find out the characteristics of the micro-simulation models in order to contribute to improve the knowledge of these tools and, after this point, to take out conclusions that could be future investigation problems. Through this study it was possible to identify that the main potentials of this models are the flexibility in the use and the capacity of forecasting over the economic political decisions in particular and in public policies in general, because it operate with samples and the greatest constraints are factor exclusion in models construction and the need to operate with exhausting data that are suffering of time lag and longitudinal comparability problems in general.
Descrição: Mestrado em Economia e Políticas Públicas
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/5141
Aparece nas colecções:BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
DE - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-MCSVMS-2012.pdf800,12 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.