Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/5015
Título: Culturas, políticas e práticas inclusivas no sector público e privado : um estudo de caso em duas escolas do 1º ciclo, do concelho de Sintra
Autor: Moreira, Joana Sarmento
Orientador: Morgado, José
Palavras-chave: Cultura inclusiva
Educação especial
Index for inclusion
Inclusão
Políticas inclusivas
Praticas inclusivas
Data de Defesa: 2012
Citação: Moreira, Joana Sarmento (2012) - Culturas, políticas e práticas inclusivas no sector público e privado : um estudo de caso em duas escolas do 1º ciclo, do concelho de Sintra. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Motricidade Humana.
Resumo: Esta investigação procurou analisar as culturas, políticas e práticas inclusivas de dois estabelecimentos de ensino, um de cariz privado e outro público. As escolas envolvidas, ambas do concelho de Sintra, distrito de Lisboa, leccionam o 1º Ciclo do Ensino Básico. Inquiriram-se os responsáveis das instituições, os professores, pais e alunos. Compararam-se as opiniões relativamente às três dimensões do Índex for Inclusion. O tratamento dos dados recolhidos permitiu identificar as barreiras existentes nas escolas e assinalar as prioridades de desenvolvimento definidas por cada um dos grupos. O estudo fez sobressair as singularidades das escolas e permitiu compreender os modelos inclusivos criados e defendidos por cada uma delas. No que concerne à criação de culturas inclusivas, as duas escolas apontaram barreiras ao nível da cooperação entre alunos, pais e comunidade, assim como uma filosofia inclusiva pouco clara. Relativamente às políticas, os elementos consideraram pouco explícitas as políticas das NEE. A articulação das questões comportamentais com o currículo foi outro dos aspectos mencionados como impeditivos ao modelo inclusivo. Este de extrema importância porque se verificou problemas ocultos de violência/intimidação entre alunos, numa das escolas. Na criação de práticas inclusivas, sobressaiu a necessidade de promover um maior conhecimento/articulação com os recursos disponíveis na comunidade local. No estudo concluiu-se também que as prioridades identificadas pelos intervenientes nem sempre correspondiam às barreiras assinaladas no campo das culturas; políticas e práticas inclusivas. A presente investigação poderá ser alvo de reflexão não só destas como de outras comunidades escolares, públicas ou privadas.
Descrição: Mestrado em Educação Especial
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/5015
Aparece nas colecções:BFMH - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese Concluida I.doc.pdfCapa165,25 kBAdobe PDFVer/Abrir
Tese Concluida Parte II.pdfDocumento principal990,62 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.